O Ministério da Educação vai liberar o orçamento bloqueado de universidades e institutos federais

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciou nesta sexta-feira (18) que vai liberar todo o orçamento das universidades e institutos federais bloqueados neste ano. Os valores liberados nesta sexta, que somam R$ 1,1 bilhão, virão de remanejamentos internos do MEC (Ministério da Educação) e devem garantir a execução integral dos...

O Ministério da Educação vai liberar mais 43 milhões de reais para 96 obras em universidades federais de ensino superior

O MEC (Ministério da Educação) vai liberar R$ 43 milhões para continuidade de obras em universidades federais. Os valores vão permitir investimentos em 96 construções em andamento. De acordo com o secretário de Educação Superior do MEC, Arnaldo Lima Junior, os valores foram remanejados dentro do orçamento da pasta e não...

UFRGS fica em 5º lugar em ranking das 50 melhores universidades; PUCRS é primeira entre as particulares

A oitava edição do Ranking Universitário Folha (RUF) trouxe novidades sobre o panorama do Ensino Superior no país, a começar pela posição das universidades federais. Mais da metade das 63 instituições está entre as 50 melhores universidades brasileiras, o que comprova a qualidade de pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e mercado...

Ministro da Educação sinaliza a reitores que pode desbloquear verba das federais a partir de setembro, diz Andifes

Nesta semana, reitores que se reuniram com o ministro da Educação Abraham Weintraub afirmaram que ele sinalizou a possibilidade de que o bloqueio bilionário no orçamento das universidades e institutos federais comece a ser revertido a partir de setembro. A informação foi divulgada na tarde desta quarta-feira (14) pela Associação...

Reforma da Previdência: policiais ameaçam paralisação após decisão sobre idade mínima

Após as negociações que marcaram esta quarta-feira (3), para a realização de mudanças no texto da reforma da Previdência, principalmente no que se refere à idade mínima de policiais civis e federais, não foi fechado um acordo. Por enquanto, a classe continuará se aposentando a partir dos 55 anos. E,...

AGU recorre para retomar bloqueio de verbas em universidades

O bloqueio de verbas imposto pelo Ministério da Educação em universidades federais havia sido suspenso provisoriamente pela Justiça Federal da Bahia. Porém, nesta segunda-feira (10), a Advocacia-Geral da União (AGU) recorreu no Tribunal Regional Federal (TRF-1) para tentar derrubar a determinação. O recurso deve ser analisado pela presidência da Corte. A...

A proposta de reforma da Previdência prevê que policiais federais e civis tenham regras próprias para aposentadoria com idade mínima de 55 anos para homens e mulheres

A proposta de reforma da Previdência em estudo no governo prevê que policiais federais e civis tenham regras próprias para aposentadoria, com idade mínima e tempo de contribuição diferentes dos demais trabalhadores. A idade mínima desses profissionais deverá ficar em 55 anos para homens e mulheres. As informações são do...

Com um crescimento bem superior ao da inflação, as despesas com a folha de pagamento estão consumindo uma fatia cada vez maior dos órgãos federais

Com crescimento bem superior ao da inflação, as despesas com folha de pagamento estão consumindo fatia cada vez maior do orçamento dos órgãos federais, o que deixa menos espaço para custear a prestação de serviços à população e investir. Só no MEC (Ministério da Educação), esses gastos tiveram um salto...

O governo decidiu manter as repartições federais abertas nos horários de jogos do Brasil no Mundial

O Ministério do Planejamento informou nesta quinta-feira (21) que, a partir desta sexta-feira (22), as repartições públicas federais deverão ficar abertas durante os jogos da Seleção Brasileira no Mundial da Rússia. As informações são do portal de notícias G1. O atendimento, contudo, não está garantido. Isso porque, pela decisão do ministério,...

A greve dos caminhoneiros paralisou 93 universidades e instituições federais do País

Dos 127 institutos e universidades federais do País, ao menos 93 tiveram atividades total ou parcialmente suspensas devido à greve dos caminhoneiros. São no mínimo 43 universidade e 48 institutos nessa situação. O movimento causou desabastecimento de combustíveis em diversas cidades, dificultando o deslocamento de alunos, professores e demais funcionários...