A defesa do ex-ministro Antonio Palocci apresentou uma lista de provas de sua delação premiada e pediu que ele vá para a prisão domiciliar

Nessa quarta-feira, a defesa do ex-ministro Antonio Palocci, delator da Operação Lava-Jato, pediu ao TRF-4 (Tribunal Federal da 4ª Região, sediado em Porto Alegre) que ele deixe a cadeia em Curitiba (PR) e progrida a sua pena para o regime de prisão domiciliar. Solicitou, ainda, que a prisão preventiva do...

A Polícia Federal rastreia os passos de um ex-assessor de Antonio Palocci

A Operação Lava-Jato já tem os registros oficiais das "visitas" que Branislav Kontic, o ex-braço direito do ex-ministro Antonio Palocci, fez à Odebrecht, em 2014. "Brani" – como é conhecido – é apontado como o homem que sacava propina em espécie na sede da empreiteira, em São Paulo. As informações...

A corregedoria do Conselho Nacional de Justiça deu 15 dias para o juiz Sérgio Moro explicar a divulgação da delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci

O corregedor do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Humberto Martins, determinou nesta quinta-feira (4) que o juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava-Jato no Paraná, apresente em quinze dias explicações sobre a divulgação da delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci. As informações são do portal de notícias G1. A...

Os advogados de defesa de Antonio Palocci afirmaram que o ex-ministro delatou crimes envolvendo o Sistema Financeiro Nacional

Os advogados de defesa de Antonio Palocci afirmam que o ex-ministro apresentou às autoridades, em um primeiro momento, uma "colaboração extensa, composta por mais de quarenta e cinco anexos, envolvendo pessoas com e sem prerrogativa de foro, sobre temas que – inclusive – eram completamente inéditos, tais como os delitos...

O PT entrou com uma reclamação no Conselho Nacional de Justiça contra o juiz Sérgio Moro após a divulgação da delação de Palocci

O PT (Partido dos Trabalhadores) entrou nesta terça-feira (2) com uma reclamação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contra o juiz federal Sérgio Moro por conta do levantamento de sigilo de trecho da delação do ex-ministro Antonio Palocci. Para o PT, a divulgação parcial da delação tem sido amplamente divulgada...

O ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci será ouvido no processo em que o ex-presidente Lula é acusado de ter recebido propina para editar uma medida provisória

O ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci será ouvido no processo em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é acusado de corrupção por, segundo o Ministério Público Federal, ter recebido propina para a editar a MP (medida provisória) 471. A MP, investigada na Operação Zelotes, foi aprovada em 2009...

O ex-ministro Antonio Palocci disse que empresários abriam contas na “confiança” para o PT no exterior

Em delação premiada, o ex-ministro Antonio Palocci afirmou que empresas mantinham "na confiança" contas no exterior em benefício do PT. No primeiro termo de sua colaboração com a PF (Polícia Federal), tornado público nessa segunda-feira pelo juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava-Jato, ele também diz que a maior parte...

A defesa de Lula diz que o ex-ministro Antonio Palocci mentiu para obter benefícios em sua delação premiada

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirma que o ex-ministro Antonio Palocci mentiu em sua delação premiada "para obter generosos benefícios". O conteúdo da colaboração foi tornado pública nessa segunda-feira pelo juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava-Jato, faltando menos de uma semana para as eleições. A ex-presidenta...

Palocci diz em delação que campanhas do PT de 2010 e 2014 custaram 1,4 bilhão de reais

Segundo o ex-ministro Antonio Palocci, campanhas do PT foram abastecidas com caixa dois. Palocci afirma no depoimento que as campanhas em 2010 e 2014 custaram, respectivamente, R$ 600 milhões e R$ 800 milhões. De acordo com os relatório de prestação de contas do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), a campanha de...

“Lula sabia da corrupção na Petrobras desde 2007”, disse Palocci em delação

O ex-ministro Antonio Palocci (governos Lula e Dilma) detalhou, em delação premiada, o suposto loteamento de cargos na Petrobras com o fim de captação de recursos para campanhas petistas. No primeiro termo de sua colaboração com a Polícia Federal, tornado público nesta segunda-feira (1º), pelo juiz federal Sérgio Moro, ele...