O juiz Sérgio Moro adverte Lula a não usar a palavra “querida” ao responder as perguntas da procuradora

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi advertido pelo juiz Sérgio Moro para não usar o tratamento de “querida” enquanto respondia às indagações da procuradora Isabel Groba Vieira, que acompanhava o interrogatório. Depois da reclamação feita pela própria procuradora, Moro disse ter esquecido de avisar ao ex-presidente que ele...