Sexta-feira, 06 de Dezembro de 2019

Porto Alegre
Porto Alegre
28°
Fair

Capa – Caderno 1 TJ libera acusado de matar bancário em Anta Gorda, diz advogado

Jacir Potrich. (Foto: Arquivo Pessoal)

O dentista Carlos Patussi foi liberado nesta sexta-feira (26), após ser preso preventivamente nessa quinta (25), como foi pedido pelo Ministério Público. Ele é acusado pela morte do gerente bancário Jacir Potrich. A decisãode soltura é liminar, e foi concedida pelo desembargador Honório Gonçalves da Silva Neto, da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do RS.

Patussi já havia sido preso em janeiro deste ano, temporariamente, mas foi solto com o habeas corpus. Ele foi indiciado na última quarta-feira (24), por homicídio duplamente qualificado (motivo fútil e sem defesa à vítima). A denúncia já foi acolhida, e o processo tramita na Justiça Estadual.

O crime aconteceu em Anta Gorda, no Vale do Taquari, interior do estado, em novembro do ano passado. No pedido de prisão, o promotor André Prediger argumentou que familiares da vítima foram perseguidos de carro e até mesmo a pé pelo réu, que teria dito a outras pessoas da comunidade que “todos deveriam ter medo dele”. A prisão, na ocasião, era pelo assassinato, e não por coação de testemunhas. O MP recorreu e ainda aguarda uma decisão final.

 

Todas de Capa – Caderno 1

Compartilhe esta notícia:

Ativistas criticam a Bayer porque no Brasil ela vende agrotóxicos proibidos na União Europeia
Polícia localiza vestígios de criminosos que assaltaram banco em Porto Xavier
Deixe seu comentário
Pode te interessar