Sábado, 14 de Dezembro de 2019

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Partly Cloudy

Capa – Caderno 1 Uma operação da Polícia Federal contra o tráfico internacional de drogas e armas desarticulou organização criminosa com ramificações em cidades gaúchas

Investigações começaram em março, a partir da apreensão de um fuzil uruguaio. (Foto: Divulgação/PF)

Na manhã dessa quarta-feira, a PF (Polícia Federal) deflagrou a operação “Highlander”, com o objetivo de desarticular três quadrilhas que atuam de forma associada no tráfico internacional de drogas e armas. A ofensiva abrangeu quatro mandados de prisão preventiva e 23 de busca no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul.

Ao todo, cerca de 100 agentes atuaram no cumprimento das ordens judiciais, em sete cidades: Chuí (RS), Porto Xavier (RS), Rio Grande (RS), São José do Norte (RS), Camboriú (SC), Bonito (MS) e Ponta Porã (MS).

As investigações haviam começado em março, após a prisão de dois criminosos flagrados pela BM (Brigada Militar) em Rio Grande com um fuzil procedente do Uruguai. O artefato apreendido fazia parte do pagamento por uma remessa de cocaína enviada ao país vizinho.

A partir de então se chegou à facção gaúcha da quadrilha, que chegou a postar vídeos nas redes sociais, ostentando armas de grosso calibre. O grupo mantém ligações com traficantes estabelecidos nos outros dois Estados e teria como base de operações a cidade gaúcha de São José do Norte, onde ameaçou moradores.

Uma das escutas telefônicas autorizadas pela Justiça mostra um homem avisando que nenhum imóvel poderia ser alugado na cidade gaúcha sem a consulta e aval por parte da organização criminosa. O objetivo seria dificultar o estabelecimento de rivais na região.

Ainda de acordo com a Polícia Federal, o nome escolhido para a operação dessa quarta-feira é uma referência ao apelido de um dos líderes da organização criminosa.

A expressão “Highlander”, por sua vez, é inspirada no personagem de um filme britânico-americano de 1986. Na trama de ação, estrelada por Sean Connery e Christopher Lambert, um guerreiro medieval escocês atravessa os séculos de forma quase indestrutível, só podendo ser morto se tiver a cabeça separada do corpo por um golpe de espada.

Crimes sexuais

Já a Polícia Civil gaúcha, por meio da Delegacia de São Francisco de Assis (Fronteira-Oeste), prendeu preventivamente dois homens em ações realizadas no combate aos crimes de violência sexual e doméstica.

Um dos indivíduos é investigado por estupro de vulnerável, tendo como vítima uma portadora de necessidades especiais. De acordo com a titular da unidade, Elisandra Batista, a vítima do estupro não tinha condições de oferecer resistência ao ataque, cometido no dia 25 de outubro deste ano.

Já o outro foi capturado no município de Nova Esperança do Sul (Centro-Oeste), por violência física e psicológica contra a sua companheira. “Após o depoimento da mulher, foi encaminhado um pedido de medida protetiva, por conta da gravidade dos fatos relatados por ela”, relatou a delegada.

(Marcello Campos)

Voltar Todas de Capa – Caderno 1

Compartilhe esta notícia:

Preso suspeito de envolvimento na morte de menina de 5 anos no Rio de Janeiro
A Bolívia avisou o Brasil e a Argentina que a crise naquele país pode afetar o fornecimento de gás natural
Deixe seu comentário
Pode te interessar