Sexta-feira, 21 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Mostly Cloudy

Mundo Homem confessa que matou a filha bebê que teve câncer por ciúmes

A pequena Maddox foi assassinada pelo pai, Ryan Lawrence, que disse que tinha ciúmes da menina por ela ter recebido muita atenção durante o tratamento de um câncer nos olhos. (Crédito: Reprodução)

Ryan Lawrence, 25 anos, confessou perante um juiz que matou a filha de 21 meses por ciúmes. O crime ocorreu em fevereiro deste ano e agora está sendo julgado. Ele contou que usou um taco de basebol para golpear a pequena. Ele alegou que não gostou da atenção que a menina recebeu durante o tratamento da doença e, por isso, resolveu executá-la. A pequena Maddox, teve um câncer raro nos olhos, mas havia conseguido se curar. Mas não escapou da ira do pai. Após matá-la na casa da família, ele levou o corpo da pequena até um rio,  onde o desovou.

Frieza. 

Na época, ele chegou a fugir para não ser incriminado, mas acabou preso. Em seguida, levou os policiais até onde tinha jogado o corpo da filha. Ele esteve detido desde então, acusado pelo homicídio. Na audiência judicial, durante a qual a mãe da menina esteve presente, Ryan admitiu a culpa pelo crime, o qual detalhou friamente, lembrando os últimos momentos de vida da menina.  Sua pena poderá variar de 25 anos de prisão ou detenção perpétua.  O crime ocorreu em Nova Iorque, nos Estados Unidos. (AG)

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Vídeo mostra homem arrastando mulher pelos cabelos na China
Vice-miss Itália é a preferida dos homens, mas suas rivais dizem que ela era muito gorda para vencer o concurso
Deixe seu comentário
Pode te interessar