Últimas Notícias > Notícias > O Dia Internacional do Jazz será comemorado em Porto Alegre com shows gratuitos na próxima terça-feira

A Justiça decidiu que “quem compartilha foto vazada por WhatsApp comete crime”

A cantora Luísa Sonza com o marido, o comediante Whindersson. (Foto: Reprodução/Instagram)

Uma foto intima da cantora Luísa Sonza foi divulgada no domingo (3) sem o seu consentimento. Este não é o primeiro caso do tipo envolvendo uma personalidade pública. Mas, por mais que ocorra com frequência, essa prática é crime previsto no artigo 218-C do Código Penal, com pena de 1 a 5 anos.

O advogado Luiz Augusto Filizzola D’Urso, especialista em Cibercrimes e Coordenador do Curso de Direito Digital da FMU (Faculdades Unidas Metropolitanas), afirma que quem compartilha as fotos por meio do WhatsApp também está cometendo crime, podendo ser punido com as mesmas penas que o indivíduo que vazou inicialmente a foto de nudez.

“Todos aqueles que recebem este tipo de conteúdo, nunca devem compartilhá-lo ou armazená-lo, pois as atitudes ilícitas cometidas no ambiente virtual podem gerar consequências, inclusive criminais, na vida real”, afirma o advogado.

Caso

Luísa Sonza acordou no domingo (3) com uma série de ligações de amigos. Os cantores Gabi Luthai, Jojo Todynho, Leo Santana e Nego do Borel foram alguns dos artistas citados pela cantora que correram para alertá-la sobre uma nude publicada em seu Instagram logo pela manhã.

Ainda deitada na cama, Luísa fez uma série de stories na rede social explicando que sua conta havia sido hackeada e que a foto em questão havia sido enviada na noite anterior para o marido, Whindersson Nunes.

“Eu tava dormindo e acordei com todo mundo me ligando desesperadamente. Aí vi que postei uma foto no Instagram, alguém postou, alguém que tem minha senha. Ontem eu já estava tentando entrar, porque eu tinha perdido minha senha. Inclusive tinha pedido pra minha empresária, tenho print. Acho que alguém pegou minha senha, postou. Não sei porque a pessoa fez isso. Não entendi.”

“Essa foto mandei pro meu marido, porque a gente está longe e sinto saudade dele. Só ele tem essa foto. Mas pelo menos sou uma pessoa que posso ajudar algumas outras com isso. É isso, gente. Tem uma foto pelada pro mundo todo ver. Mas enfim…”, afirmou Luísa.

“Não sei o que vai acontecer agora. Vou trocar a senha, mas quem fez isso não me abalou tanto quanto queria me abalar. É só mais um peito, só mais uma foto. Todo mundo tem isso aí, né? Beijos até a próxima.”

Pouco depois, Luísa retornou ao Instagram bastante chateada com os comentários de que ela mesma teria publicado a imagem. “Eu jamais ia postar uma foto assim, não sou idiota de postar uma foto assim. Agora estou tremendo, não falem essa m****, que fui eu que postei essa foto. Deixem de ser ridículos e querer f**** com a vida das pessoas. Isso é muito injustiça.”

“Meninas que passam por isso, não se abalem, não se deixem abalar. Sei que é ruim, é difícil e todo mundo vai falar um monte de coisa de você. Mas não deixem isso abalar vocês. Estou falando chorando, mas não vou ficar mal com isso. É só mais um peito, mais um corpo e a gente é bem mais do que isso”, finalizou a cantora.

Em seu Twitter, Whindersson, o marido da cantora, falou sobre a situação: “Muita gente me chamando de corno, gado e essas coisa de quem tem ejaculação precoce. Hoje infelizmente não vou poder dar muita atenção às brincadeiras. Minha mulher teve a intimidade exposta depois de me mandar uma foto ontem, são danos irreparáveis, hoje não.”

Em comunicado enviado através de sua assessoria, Luísa afirmou que todas as providências estão sendo tomadas por sua equipe de advogados.

 

Deixe seu comentário: