Últimas Notícias > CAD1 > Os Estados Unidos debatem armar professores para defender estudantes de ataques

Ator Fábio Assunção é preso por desacato após brigar em festa de São João

Dentro do carro da polícia, Assunção reclama da prisão e afirma que não é criminoso. (Foto: Reprodução)

O ator Fábio Assunção foi preso por desacato na madrugada desse sábado, na festa de São João de Arcoverde, no sertão pernambucano, depois de uma discussão com policiais militares.

A Polícia Militar de Pernambuco informou ter sido acionada por duas jovens, que afirmaram estar sendo ameaçadas pelo ator, na própria festa. Os policiais tentaram levá-lo à delegacia para esclarecer os fatos, mas Assunção ficou agressivo e se negou a entrar na viatura.

O ator acabou algemado e, na discussão, quebrou o vidro traseiro do carro policial. Assunção foi à cidade para o lançamento do documentário “Eu sonho para você ver”, dirigido por ele e pela cineasta Pally Siqueira, que trata da tradição do samba de coco no sertão de Pernambuco. Ele foi exibido na própria festa de São João, na noite de sexta-feira.

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o ator em estado de aparente embriaguez em três momentos distintos. No primeiro, onde chega a cair no chão em uma das imagens, ele aparece discutindo com pessoas na rua e sendo ironizado pela sua condição.

No segundo, dentro de um hospital, Fábio discute com as funcionárias do local e envolve uma idosa que esperava atendimento na confusão. No último vídeo, já com o dia claro, o ator está algemado dentro da viatura – cujo vidro traseiro teria sido quebrado pelo próprio no momento da prisão.

Neste terceiro vídeo, o ator segue muito alterado, esmurrando a porta traseira do veículo e gritando. Entre os trechos em que é possível entender exatamente o que ele diz estão frases como “Chama o sargento, chama o sargento…vou ser preso é o c*******. Quero olhar no olho dele. Desacato é ele que fez agora. Ele me algemou. Não sou criminoso…Filho da p***”.

Versões
Em nota, a Polícia Civil informou que Fábio foi autuado por dano qualificado ao patrimônio público, desacato a autoridade, desobediência e resistência à prisão.

Ele foi encaminhado para exames no Instituto de Medicina Legal e depois apresentado em audiência de custódia. Nessa audiência, um juiz avalia a necessidade de manter o preso atrás das grades durante o processo judicial. O juiz Thiago Pacheco Cavalcanti fixou a fiança em R$ 9.370. Ele pagou a fiança e foi liberado.

Fábio Assunção usou o seu Instagram, ainda no sábado, para se desculpar após protagonizar uma briga e ser detido pela polícia de Arcoverde, em Pernambuco.

“Lamento muitíssimo o ocorrido em Arcoverde. Era uma noite de celebração. Tínhamos acabado de exibir nosso documentário filmado no sertão pernambucano no palco principal do festival de São João. Então fomos com a equipe confraternizar e a situação saiu do controle. Infelizmente aconteceu uma briga. Errei ao me exceder. Não fiz uso de nenhuma droga ilícita – o que será comprovado pelo exame toxicológico que eu mesmo pedi para ser feito. Serei responsável pelos danos causados. Agora estou bem. Agradeço pelas tantas manifestações de carinho e apoio que recebi. Peço a todos sinceras desculpas. Não é fácil, mas reconhecer meus erros e procurar sempre aprender com eles é o que eu desejo.”

Deixe seu comentário: