Últimas Notícias > Notícias > Brasil > O PSL faz convenção neste domingo para lançar a candidatura de Bolsonaro à Presidência da República

Companheiro de ministro é agredido por ser gay

O companheiro do ministro dinamarquês da Justiça, Soren Pape Poulsen, foi agredido em um bar por um homem que fez declarações homofóbicas.Josué Medina Vázquez, originário da República Dominicana e companheiro de Pape Poulsen, do Partido Popular Conservador, levou um soco no rosto. O agressor, um homem de 34 anos de nacionalidade eslovena, teria declarado “não gosto dos homossexuais”

Deixe seu comentário: