Últimas Notícias > Notícias > Brasil > A Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, aprovou remédio genérico para o tratamento do câncer de próstata

Se bancada gaúcha não se mobilizar, Estado perde R$ 200 milhões

O deputado estadual Frederico Antunes (PP) refirmou nesta final de semana ao colunista, que está pedindo ao coordenador da Bancada do Federal gaúcha deputado Giovani Cherini, uma mobilização para que os deputados federais do Rio Grande do Sul se posicionem contra os projetos 33, 34 e 35 em tramitação na Comissão Mista de Orçamento  do Congresso Nacional, que remanejam cerca de R$ 10 bilhões do Orçamento desse ano. Aprovados, esses projetos retirariam cerca de R$ 200 milhões destinados ao estado. Frederico Antunes, além de solicitar a rejeição dos projetos, sugeriu como plano B aos deputados federais gaúchos a apresentação de emendas que repõem os valores originais que estão sendo retirados do Orçamento pelo governo. Alguns exemplos de recursos que serão retirados do RS caso os projetos sejam aprovados em Brasília:

– Ponte Itaqui/Uruguaiana: R$ 7.381.331,00

– Segunda Ponte do Guaíba: R$ 153 359.976,00

– Polícia Rodoviária Federal no RS: R$ 4.652.788,0

– Procedimentos de alta complexidade no RS: R$ 10.000.000,00

– BR 285 São José dos Ausentes (asfalto): R$ 1.273.986,00

Ciro Gomes: treino livre

O pré-candidato do PDT à presidência da República comentou neste final de semana em São Paulo, sobre possíveis alianças para a disputa pela Presidência, Ciro afirmou que “não confraterniza com golpista”. Porém, disse que o momento agora é “como treino livre de Fórmula 1”. “Tá todo mundo correndo sozinho na pista, conhecendo o circuito. O grid, ou seja, os tempos, só em março”, disse.

A greve dos professores é “contra o golpe”

Uma gravação da Assembleia dos professores que circula nas redes sociais, mostrando o ambiente no qual foi decidida a manutenção da greve, deixou claro que o movimento nada tem a ver com professores, alunos ou conquistas da classe. Na reunião,  1.160 professores comandados por militantes do   Psol e do PSTU decidiram aprovar  a greve em nome dos 70 mil colegas que continuam trabalhando, “para resistir aos governos golpistas de Temer e Sartori”.

A morte política de Lula

Em artigo publicado na edição desta semana da revista IstoÉ, o jornalista Mario Vitor Rodrigues defense o fim político do ex-presidente Lula, ao avaliar que “Pelo bem do País, Lula deve morrer. Eis uma verdade incontestável. Digo, se Luiz Inácio ainda é encarado por boa parte da sociedade como o prócer a ser seguido, se continua sendo capaz de liderar pesquisas e inspirar militantes Brasil afora, então Lula precisa morrer. Não entenderam? Eu explico: enquanto o cidadão não passa de um arrivista que levou a vida esgueirando-se dos desafios para pinçar oportunidades, o mito, para alcançar seus objetivos, ainda é capaz de sapatear em cima de qualquer um. Até mesmo na memória da falecida esposa.” O artigo completo pode ser conferido em https://istoe.com.br/lula-deve-morrer/

Eduardo Leite é o presidente do PSDB gaúcho

Pela primeira vez, desde que o atual prefeito de Porto Alegre Nelson Marchezan Jr. foi nomeado interventor pelo presidente nacional Aécio Neves em 2015,o PSDB gaúcho realizou uma eleição para a escolha do novo presidente estadual. A Convenção estadual do Partido da Social Democracia Brasileira  sábado, o ex-prefeito de Pelotas, Eduardo Leite,  novo presidente no Rio Grande do Sul.  A executiva foi eleita por 236 votos a favor, 1 branco e três nulos. A eleição transformou-se em aclamação ao nome de Eduardo Lite como pré-candidato ao governo Estado.

Deixe seu comentário: