Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Deputados querem alterar a reestruturação de Bolsonaro que reduziu o número de ministérios e migrou órgãos

A Uergs abre inscrições para o seu novo mestrado profissional nas áreas de Engenharia, Ciências, Tecnologia e Matemática

Curso começa em agosto na unidade de Guaíba, com 24 meses de duração. (Foto: Divulgação/Uergs)

Nesta sexta-feira, a Uergs (Universidade Estadual do Rio Grande do Sul) abre inscrições para o seu novo curso de mestrado profissional em docência de Engenharia, Ciências, Tecnologias, e Matemática. Segundo a  instituição, o foco é a qualificação de professores que já trabalham ou pretendem atuar com Educação Básica e Ensino Superior.

O prazo termina no dia 26 de abril e o começo das aulas está marcado para agosto, na unidade de Guaíba, com duração total de 24 meses, incluída a apresentação e defesa da dissertação de mestrado. São 15 vagas (mediante critérios de seleção definidos em edital). A coordenação geral do curso é do professor Luciano Andreatta Carvalho da Costa.

A modalidade receberá graduados de cursos das áreas de Engenharia e Ciências Exatas (Física, Química, Matemática e Informática) com interesse na docência em cursos técnicos de nível médio e em cursos superiores de tecnologia, licenciaturas e bacharelados nas áreas de Ciências Exatas e Tecnológicas.

Os candidatos podem optar por duas linhas de pesquisa: Tecnologias Digitais na Prática Docente; e Epistemologias e Metodologias na Prática Docente. De acordo com a Uergs, a intenção é priorizar a sala de aula e os processos de ensino e aprendizagem como objeto de pesquisa para reflexão e proposição de novas metodologias. O edital com as informações sobre o processo seletivo está disponível no site www.uergs.rs.gov.br.

Perfil institucional

Organizada sob a forma de fundação de direito privado, conforme seu Estatuto, decreto nº. 43.240 de 15 de julho de 2004, a Uergs é mantida pelo poder público estadual e vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia.

A instituição está estrategicamente localizada em 24 municípios gaúchos: Alegrete, Bagé, Bento Gonçalves, Botucaraí – Soledade, Cachoeira do Sul, Caxias do Sul, Cruz Alta, Encantado, Erechim, Frederico Westphalen, Guaíba, Litoral Norte – Osório, Montenegro, Novo Hamburgo, Porto Alegre, Sananduva, Santa Cruz do Sul, São Borja, São Francisco de Paula, Santana do Livramento, São Luiz Gonzaga, Tapes, Três Passos e Vacaria.

Os cursos ministrados incluem bacharelado, licenciatura e tecnólogo, nas áreas das Ciências Humanas, da Vida e do Meio Ambiente, das Exatas e Engenharias. Oferece, em convênio com a Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), um Programa Especial de Formação Pedagógica de Docentes para tecnólogos e bacharéis que atuam em Escolas Técnicas e Institutos Federais de Educação Superior.

Metade das vagas é reservada para pessoas economicamente hipossuficientes, incluindo a cota para negros e indígenas, de acordo com a população no Estado (definida com base nos dados do IBGE), além de 10% para pessoas com deficiência.

Também oferece cursos de Pós-Graduação Lato Sensu (especialização), nas sete regiões em que está presente, nas três áreas de conhecimento em que já oferta cursos de graduação. Em 2016, a Universidade abriu seu primeiro curso de Mestrado, em Ambiente e Sustentabilidade, na Unidade em São Francisco de Paula.

(Marcello Campos)

 

Deixe seu comentário: