Segunda-feira, 09 de Dezembro de 2019

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Fair

Brasil As emissoras de rádio poderão veicular “A Voz do Brasil” em horário alternativo durante a transmissão dos Jogos Olímpicos do Rio

Também foram pedidas sugestões sobre quais seriam as medidas legislativas ou legais que precisam ser tomadas para destravar investimentos (Foto: Divulgação)

As emissoras de rádio poderão veicular “A Voz do Brasil” em horário alternativo durante a transmissão da Olimpíada do Rio e da Paralimpíada, em agosto e setembro. A flexibilização foi autorizada por meio de MP (medida provisória) que foi assinada nessa quinta-feira pelo presidente interino Michel Temer, de acordo com a Abert (Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e TV).

Copa do Mundo
A exemplo do que ocorreu na Copa do Mundo de 2014, a entidade pediu que as emissoras de rádio pudessem ter autorização para retransmitir o programa em horário alternativo, quando preferir, no período entre 19h e 22h. Hoje, a veiculação deve ser feita de segunda-feira a sexta-feira, às 19h. “Com a MP, cada emissora poderá escolher o melhor horário para veiculação de ‘A Voz do Brasil’, de acordo com sua programação, sem precisar interromper a transmissão dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos”, afirmou a Abert, por meio de nota.

Todas de Brasil

Compartilhe esta notícia:

Os primeiros testes com a “pílula do câncer” em humanos começam nesta segunda-feira
Governo federal prepara “pacote de bondades” para o Congresso
Deixe seu comentário
Pode te interessar