Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Um encarregado de obras da OAS disse que a construtora retirava os seus operários do sítio em Atibaia quando Lula aparecia no local

Cadê a ética?

Na Câmara, foram apresentadas oito representações desde fevereiro, das quais quatro arquivadas. (Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

Em ano de eleição, processos e representações seguem paralisados ou tramitam a passos lentos nos conselhos de Ética da Câmara e do Senado, revela levantamento da Coluna. Na Câmara, foram apresentadas oito representações desde fevereiro, das quais quatro arquivadas. Outras quatro se arrastam há meses e têm como alvos os deputados Paulo Maluf (PP-SP), em prisão domiciliar; Celso Jacob (MDB-RJ), que cumpre pena em regime aberto; João Rodrigues (PSD-SC), em semiaberto, e Lúcio Vieira Lima (MDB-BA), irmão do ex-ministro detento Geddel Vieira Lima (MDB-BA).

Casa Alta

No Senado, o cenário é o mesmo. Foram seis representações nos últimos quatro meses. Duas contra a presidente do PT, Gleisi Hoffman (PR), foram arquivadas.

Gavetão

Outras quatro representações foram enviadas pelo presidente do Conselho de Ética, João Alberto (MBD-MA), à Advocacia-Geral do Senado, e lá permanecem.

Em tempo…

… Já estamos na metade, e o Conselho de Ética do Senado não realizou uma reunião este ano.

Chicote no campo

Além de variadas suspeitas de irregularidades e apadrinhamentos políticos fora do padrão técnico, a gestão do PTB à frente do MTE (Ministério do Trabalho), sob o comando informal do ex-deputado mensaleiro Roberto Jefferson, é marcada por retrocessos no combate ao trabalho escravo.

Radar desligado

As operações do grupo especial de fiscalização móvel foram reduzidas à metade nos últimos dois anos e, até maio, foram encontradas apenas 606 pessoas em condições análogas à escravidão. Dados bem distantes dos 6.025 trabalhadores resgatados em 2007, de acordo com o Radar do Trabalho Escravo, do próprio MTE.

Intervenção

Ministros palacianos aconselham o presidente Michel Temer a intervir para conter a crise no Ministério do Trabalho. A avaliação é de que as buscas e apreensões da Polícia Federal no gabinete e em endereços da deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) deram sinal de que passou da hora da degola do PTB na Esplanada.

Presentão

Pedro Parente vai assumir a presidência da holding BRF Foods, conforme antecipou a Coluna, onde já batia ponto mais que na Petrobras. E com presentão da Comissão de Ética do Planalto, que o liberou da quarentena.

Lula no bar

Eduardo Suplicy (PT), que pretende voltar ao Senado, lançará sua candidatura dia 23, seu aniversário, numa cachaçaria, com direito a mensagem de Lula na TV do bar.

Ôh, do comércio!

Comerciantes que aumentarem preços de produtos em momentos de escassez e crise, como a recente provocada pela greve dos caminhoneiros, poderão pegar de dois a cinco anos de cadeia além de pagar multas. É o que prevê o projeto 269/2018 de autoria do senador Airton Sandoval (MDB-SP).

Má-fé

De acordo com o senador, durante a recente crise, “vimos notícias surpreendentes: em Fortaleza, o Procon notificou 21 postos de gasolina. Em Brasília, houve postos cobrando o litro da gasolina a quase R$ 10,00”.

Grita dos juízes

A Associação dos Juízes Federais, através de seu advogado Marcus Vinicius Coêlho, requereu ao ministro Luiz Fux que revogue a liminar que impede a criação dos 4 novos TRFs (MG, PR, BA e AM). Argumentam que a Anafe (Associação Nacional dos Advogados Públicos Federais), autora da ação, não possui legitimidade para propô-la.

Vai, Chopelly!

A transexual Chopelly Glaudystton, que representa a Associação Nacional de Travestis e Transsexuais, foi reeleita para o Conselho Nacional de Direitos da Mulher. No triênio passado, Chopelly foi a primeira mulher transexual a integrar o Conselho do Governo.

O Sincero

Aconteceu em Roraima. O advogado Roberto Amorim surpreendeu o juiz Helder Girão ao explicar ausência num julgamento de um cliente, sem rodeios ou desculpas: “Esqueci completamente da audiência”, escreveu na justificativa. O magistrado aceitou “a conduta cavalheiresca”: “Que seu exemplo sirva às novas gerações de advogados”.

 

Deixe seu comentário: