Últimas Notícias > Capa – Magazine > Eduardo Bolsonaro passa final de semana em Bento Gonçalves, na Serra gaúcha

Nevasca provoca mortes e transtornos na Europa

Neve cobre estrada após avalanche na Suíça. (Foto: Reprodução)

Alemanha, Áustria, Suíça e os Balcãs enfrentam transtornos provocadas pelas fortes nevascas dos últimos dias. Estradas estão bloqueadas, o sistema de trens está interrompido e escolas estão fechadas em vários países.

Na Bavária, no sul da Alemanha, um menino de nove anos morreu após ser atingido pela queda de uma árvore perto de Munique. Os serviços de emergência demoraram cerca de 40 minutos para encontrá-lo e não conseguiram reanimá-lo.

As nevascas derrubaram árvores e bloquearam estradas no sul e leste do país. Em Berchtesgaden, perto da fronteira com a Áustria, o exército enviou 200 soldados para ajudar centenas de pessoas que ficaram presas por causa da neve, segundo a BBC.

Embora a situação esteja um pouco mais calma nesta sexta, as companhias aéreas cancelaram cerca de 120 voos no aeroporto de Frankfurt e 90 no aeroporto de Munique, de acordo com a agência de notícias alemã DPA.

O norte da Suécia foi atingido por uma tempestade com ventos fortes e as estradas ficaram intransitáveis.

No leste da Suíça, uma avalanche atingiu um hotel em Schwaegalp na tarde de quinta, deixando três pessoas levemente feridas.

Nos Balcãs, seis municípios sérvios tiveram que adotar medidas de emergência e três cidades de Montenegro, na costa do Adriático, ficaram sem energia elétrica depois que uma nevasca atingiu uma importante linha de distribuição de energia.

No centro da Bósnia, a neve interrompeu o fornecimento de energia e cortou as linhas telefônicas na cidade de Kladanj.

Áustria

Ao menos oito mortes relacionadas ao mau tempo foram registradas na Áustria desde o fim de semana. Na quinta-feira, serviços de emergência do país afirmaram ter resgatado nove pessoas que estavam presas em um resort de inverno em razão das nevascas. Os turistas vindos da Hungria, da Polônia, da Rússia e da Ucrânia haviam ignorado alertas de avalanches para a região.

Estradas para diversas áreas de prática de esqui permanecem fechadas em razão do risco de avalanches. Nesta quinta-feira, mais de 4,5 mil casas estavam sem eletricidade. Meteorologistas austríacos afirmaram que a quantidade de neve deverá aumentar em mais meio metro nesta sexta-feira, somando-se aos vários metros que já se acumulam na região.

Em Altaussee, um repórter da Deutsche Welle Amien Essif descreveu a cidade como “completamente soterrada” pela neve. Ele disse que, ao caminhar pela cidade, sentiu-se andando por um túnel com paredes duas vezes a sua altura. “Essa cidade alpina foi parcialmente esvaziada, pois as autoridades acreditam que uma avalanche pode acontecer a qualquer momento. Até o prefeito deixou sua casa.”

República Tcheca

Na República Tcheca, as cidades de Jablonec e Nisou declararam estado de emergência. As autoridades cogitam utilizar presidiários para trabalhar na liberação das estradas. Em torno de 9 mil residências na região estavam sem energia elétrica após o fornecimento ser interrompido pela queda de árvores. Os serviços de emergência correm para cortar árvores nos locais de risco para evitar novos danos.

Deixe seu comentário: