Últimas Notícias > Capa – Caderno 1 > Porto Alegre terá uma programação especial de Natal com mais de 70 atividades gratuitas em diversas regiões da cidade

Neymar é eleito pela primeira vez o melhor jogador do mês no Campeonato Francês

Brasileiro vence disputa com Mbappé e Balotelli e é escolhido o melhor de dezembro. (Foto: Reprodução)

Neymar foi eleito pela primeira vez desde que chegou ao PSG o melhor jogador do mês do Campeonato Francês. O brasileiro foi escolhido como o destaque de dezembro da competição e venceu a disputa com o companheiro de clube Mbappé, e o italiano Balotelli, do Nice. O prêmio é concedido pela UNFP (União Nacional dos Futebolistas Profissionais da França).

Embora seja líder com oito pontos de vantagem para o Lyon e tenha apenas duas derrotas na competição, nenhum jogador do PSG havia sido escolhido como o melhor do mês na competição. Nos meses anteriores, Falcao García, Mandanda, Fekir e Thauvin ficaram com a honraria.

Todos os jogadores eleitos melhor do mês no Francês 2017/18:

Agosto: Falcao García (Monaco)

Setembro: Mandanda (Olympique de Marselha)

Outubro: Fekir (Lyon)

Novembro: Thauvin (Olympique de Marselha)

Dezembro: Neymar (PSG)

Curiosamente, dezembro foi quando o Paris perdeu o seu primeiro jogo na Ligue 1 – diante do Strasbourg, por 2 a 1. Neymar atuou somente em três partidas no mês passado pela competição e fez dois gols, os dois na vitória por 4 a 1 contra o Rennes. A outra partida na qual o brasileiro esteve em campo foi o triunfo por 3 a 1 sobre o Caen.

No PSG, Neymar tem 24 gols em 23 jogos. No Campeonato Francês, o camisa 10 está com 15 gols em 15 partidas. O artilheiro do torneio é Cavani, do PSG, com 20 gols. O brasileiro é líder em assistências do Francês, com 11.

Com dores na coxa, Neymar desfalcou o PSG no último domingo, na derrota por 2 a 1 para o Lyon. O próximo compromisso do Paris pela competição é neste sábado, diante do Montpellier, no Parque dos Príncipes. A expectativa é que o camisa 10 retorne ao time.

“Time pode ganhar sem ele”

A ausência de Neymar não pode ser taxada como chave para o revés no jogo contra o Lyon. Ao menos é o que aponta o técnico Unai Emery.

“É importante que essa equipe que tem grandes jogadores não dependa de um. Neymar é nosso líder, mas ele está com uma lesão e temos que cuidar dele. E a equipe já ganhou sem Neymar e pode ganhar sem Neymar. E temos que fazer isso. Mas é verdade que sempre queremos que todos os jogadores estejam disponíveis para ter o máximo rendimento. Mas, quando falta um, essa equipe tem capacidade para responder”, avaliou e espanhol.

Emery não foi o único a comentar sobre a ausência de Neymar, após receber uma pancada na costela. Marquinhos ratificou as palavras do técnico e seguiu a linha anti-dependência.

“É normal quando você tem um jogador assim. A gente olha o Barcelona sem o Messi é do mesmo jeito, o Real Madrid sem Cristiano Ronaldo também. Acaba dificultando as coisas. Neymar é realmente diferenciado dentro de campo, jogador que tem a personalidade, que chama a responsabilidade. Mas quando a gente olha a qualidade do nosso time a gente não pode ter a dependência para um jogador assim. Mesmo quando ele não está, nós temos que manter o nosso grande nível de futebol, nosso grande nível de jogo para que a gente possa estar ganhando grandes coisas”, disse Marquinhos.