Home > CAD1 > Polícia prende mãe e filhos da “Família do Crime” por roubos a ônibus na Grande Porto Alegre

Ronaldinho Gaúcho explica por que rejeitou o Manchester United em 2003

Ronaldinho, embaixador do Barcelona (Foto: Reprodução)

O brasileiro Ronaldinho não se arrepende pelas escolhas que fez ao longo da carreira. Em entrevista à revista “GQ” britânica, o jogador ex-Barcelona reiterou que fez a opção certa ao deixar o Paris Saint-Germain e assinar com o clube catalão, embora tivesse recebido uma oferta tentadora do Manchester United – segundo o jornal “Mirror”, o time francês recebeu proposta de 30 milhões de libras dos ingleses em 2003.

Ainda assim, Ronaldinho admitiu que a transferência para o futebol inglês quase aconteceu. “Quando eu estava deixando o PSG e antes de ir para o Barcelona, eu tive essa chance e fiquei bem próximo”, afirmou. “O United é um time grande e qualquer jogador gostaria de jogar por um grande clube, mas eu acho que escolhi a liga certa e o clube certo. Não me arrependo.”

Atual embaixador do Barcelona, Ronaldinho também passou pelo Milan antes de voltar para o futebol brasileiro. Com insistentes perguntas sobre um eventual arrependimento de não jogar em outros grandes clubes europeus, o brasileiro foi respeitoso, mas disse ter ficado satisfeito com as decisões que tomou no passado.

“Estou satisfeito. Há muitos clubes onde qualquer jogador gostaria de jogar, então é difícil escolher só um. Em todo país existem dois, três ou quatro grandes clubes e qualquer jogador amaria estar neles. Eu tive a chance de jogar para vários times diferentes no Campeonato Inglês, mas acho que todas as escolhas que fiz foram corretas”, concluiu.

No início de 2017, Ronaldinho chegou a negociar uma eventual vinda para o Coritiba, mas não chegou a um acordo.

 

Comentários

Notícias Relacionadas: