Terça-feira, 28 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
28°
Mostly Cloudy

Mundo 110 voos diários entre Estados Unidos e Cuba foram autorizados

Empresas aéreas dos EUA serão convidadas a operar nessas rotas. (Foto: Reprodução)

Os Estados Unidos e Cuba assinaram nessa terça-feira um acordo sobre a aviação civil que autoriza até 110 voos regulares diários para Havana e outros nove destinos da ilha, segundo fontes de Washington.

De acordo com funcionários do departamento de Estado e de Transportes, as autoridades locais começarão de imediato o processo de convite às empresas aéreas norte-americanas interessadas em operar nessas rotas, e esperam anunciar os destinos já no próximo verão no hemisfério Norte.

“Inicialmente, as empresas aéreas dos EUA serão autorizadas a realizar 20 voos regulares diários para Havana, o maior mercado, e é importante recordar que o nível atual é zero”, disse o subsecretário da Divisão de Transportes no departamento do Estado, Thomas Engle.

Por ora, as autoridades norte-americanas incluíram os aeroportos de Camagüey, Cayo Coco, Cayo Largo, Cienfuegos, Holguín, Manzanillo, Matanzas, Santa Clara e Santiago de Cuba.

Os voos comerciais entre Cuba e EUA foram cancelados há meio século, mas desde meados dos anos 1970 estão autorizados os voos charter sob condições.

Os dois países anunciaram que tinham chegado a um acordo para restaurar o serviço regular de linhas aéreas comerciais entre eles em dezembro de 2015. (AG)

Voltar Todas de Mundo

Compartilhe esta notícia:

Acordo obriga Samarco a contratar auditoria e simular rompimento
Pela primeira vez em décadas, maioria nos Estados Unidos tem visão positiva de Cuba
Deixe seu comentário
Pode te interessar