Sábado, 26 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
20°
Light Rain

Notícias A Assembleia Legislativa aprovou a criação da rota turística “Caminhos de Caravaggio” na Serra Gaúcha

Compartilhe esta notícia:

Iniciativa é inspirada no roteiro europeu "Caminhos de Compostella". (Foto: Adroir Fotógrafo/SMC Farroupilha)

Por unanimidade, o plenário da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul aprovou na tarde dessa terça-feira o projeto de lei do deputado Carlos Búrigo (MDB) que prevê a instituição, na legislação estadual, do roteiro “Caminhos de Caravaggio”, na Serra Gaúcha. A iniciativa tem por objetivo promover a integração turística da região, fortalecer a produção das comunidades locais e incentivar empreendimentos e eventos relacionados a religiosidade, esportes, meio ambiente, cultura e gastronomia.

O percurso foi concebido no município de Farroupilha e inclui Gramado, Canela, Nova Petrópolis e Caxias do Sul, com a expectativa de unir os santuários de Caravaggio de Canela e de Farroupilha por trilhas, estradas, rodovias, pontes e rios que cortam as zonas rurais e urbanas dos cinco municípios. A matéria segue agora para sanção do governador Eduardo Leite. A fonte de inspiração é o mítico “Caminhos de Compostela”, entre a França e a Espanha

“São mais de 20 igrejas e capelas distribuídas ao longo dos 200 quilômetros da rota”, ressaltou o deputado Búrigo. “O novo trajeto turístico da Serra tem potencial para atrair peregrinos, ciclistas, maratonistas e tradicionalistas, por exemplo. A união de microrregiões para o desenvolvimento integrado do turismo da Serra é o grande objetivo desse projeto.”

“Queremos promover o acesso dos setores público e privado às políticas de fomento ao turismo, cada vez mais direcionadas para as rotas e roteiros, como no caso programa ‘Investe Turismo’, do governo federal, anunciado no primeiro semestre”, ressaltou o site oficial do Legislativo. “São recursos disponíveis para qualificação da infraestrutura, linhas de crédito para empreendedores e qualificação de mão de obra, por exemplo.”

Sequência

A iniciativa parlamentar dá sequência, na verdade, a um projeto já em andamento na região. Em novembro do ano passado, o Roteiro foi pré-lançado durante a 30ª edição do Festival Internacional de Turismo, em Gramado, quando um protocolo de intenções para a criação de um consórcio que viabilize o roteiro foi assinado pelos prefeitos dos cinco municípios envolvidos na rota.

“Este consórcio garante a formalização jurídica do roteiro e facilita a captação de recursos junto ao Ministério do Turismo para infraestrutura, divulgação e manutenção do Caminhos de Caravaggio”, relata o site www.caravaggio.org.br.

Os cerca de 200 quilômetros da rota podem ser percorridos a pé ou de bicicleta, o que permite a contemplação das paisagens naturais, plantações, construções do século passado, igrejas e a visita a atrativos culturais que valorizam as conquistas dos imigrantes.

“Eles deixaram um legado muito bonito, especialmente ligado aos aspectos do trabalho, da religiosidade e da fé. Pelo caminho é possível encontrar pequenos capiteis e outras expressões desse patrimônio, que enchem o caminho de beleza e paz”, destaca o secretário Municipal de Turismo e Cultura, Francis Casali.

“Autoconhecimento, reflexão, espiritualidade, superação e determinação são palavras que descrevem o trajeto, já que a sugestão inicial é que os caminhantes façam uma média de 30 quilômetros por dia até chegar ao destino, em Farroupilha”.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Notícias

“Encontramos vida em Marte em 1976”, diz ex-cientista da Nasa
A Justiça do Trabalho do Rio Grande do Sul decidiu que uma vendedora autônoma de seguros não possui vínculo empregatício
Deixe seu comentário
Pode te interessar