Sexta-feira, 03 de Abril de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Fair

Esporte A torcida do Paris Saint-Germain xingou Neymar na estreia do clube no Campeonato Francês

Neymar quer deixar o time francês e retornar ao futebol espanhol. (Foto: C. Gavelle/PSG)

Os cânticos no Parque dos Príncipes, em Paris, na França, no domingo (11), deixam clara a revolta dos torcedores do PSG (Paris Saint-Germain) em relação ao atacante brasileiro Neymar. O grito que veio da arquibancada durante a partida contra o Nimes, pela primeira rodada do Campeonato Francês, foi em espanhol, idioma com o qual o brasileiro está mais familiarizado, pelo tempo em que atuou no Barcelona. “Neymar, filho da p…”, repetiam os torcedores.

Além das ofensas “melódicas”, torcedores levaram faixas de protesto contra o craque. Em uma delas, o recado foi direto: “Neymar, vaza daqui”. Em campo, o PSG foi bem e venceu o Nimes por 3 a 0, com gols de Cavani, Mbappé e Di María.

Neymar não foi relacionado para o confronto pelo torneio nacional porque negocia a sua saída do clube. Segundo o jornal Le Parisien, as negociações do time francês com o Real Madrid têm avançado mais rápido do que com o Barcelona. O brasileiro Leonardo, diretor esportivo do PSG, não quis comentar o assunto.

O técnico Thomas Tuchel acrescentou, inclusive, que há a necessidade de que Neymar se recupere completamente de uma lesão. Segundo o treinador, o brasileiro recebeu uma pancada no treino de sexta (09) e outra no sábado (10).

O cenário fica incerto também em relação à presença de Neymar nos próximos amistosos da Seleção Brasileira. O técnico Tite anunciará na sexta-feira (16) a lista para os jogos de setembro, contra Colômbia e Peru.

Real Madrid

Florentino Pérez, presidente do Real Madrid, ofereceu um contrato de cinco temporadas e um salário de 40 milhões de euros (cerca de R$ 178 milhões) por ano a Neymar. A informação foi divulgada pelo jornal Sport no sábado (10).

O periódico informou que a ideia é cobrir o salário de Neymar no PSG e tornar o atacante brasileiro o segundo futebolista mais bem pago do mundo, atrás apenas de Lionel Messi.

Ainda assim, o atacante não assinou o contrato, já que segue dando prioridade ao Barcelona. A ideia do craque é reeditar a parceria com Messi e Suárez, segundo o veículo catalão. Por isso, ele irá esperar um acordo entre a equipe parisiense e os Culés até a “prorrogação do segundo tempo.”

A saída de Neymar do time francês é iminente. O diretor esportivo Leonardo cravou que “existem negociações mais avançadas do que antes” pelo atleta brasileiro.

tags: NeymarPSG

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

O Grêmio realizou o seu primeiro treino antes de jogo decisivo na Copa do Brasil
O Inter encaminha a contratação do volante Bruno Silva, do Fluminense
Deixe seu comentário
Pode te interessar