Terça-feira, 28 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
26°
Mostly Cloudy

Capa – Caderno 1 Casal gay é agredido ao tentar defender mulher; agressor afirmou que “LGBTs tinham que apanhar até a morte”

(Foto: Reprodução/TV Globo)

Um casal gay foi agredido após tentar defender uma mulher durante uma comemoração de aniversário em Copacabana, no Rio de Janeiro, neste domingo (5). De acordo com as vítimas, eles teriam sofrido crime de homofobia.

“Ele arremessou uma garrafa de vidro na cabeça dela. Mirou na cabeça dela mas, graças a Deus, não acertou. E essa menina ficou em choque. A gente foi protegê-la dentro de um apartamento”, afirmou o rapaz que não quis ser identificado.

Eles saíram do apartamento com a mulher e foram perseguidos pelo agressor. Segundo eles, o homem proferiu um soco contra um dos jovens e afirmou que LGBTs tinham que apanhar até a morte. A Polícia Civil foi chamada, mas ao chegarem ao apartamento, o agressor já havia fugido.

As vitimas foram atendidas no Hospital Miguel Couto, na Zona Sul. O caso foi registrado como lesão corporal, e o casal deverá passar pelo exama de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML). O agressor já foi identificado, porém a mulher agredida não registrou ocorrência.

Voltar Todas de Capa – Caderno 1

Compartilhe esta notícia:

UFRGS é a terceira melhor universidade federal brasileira, afirma levantamento
Saque do FGTS começa antes para clientes da Caixa; confira calendário
Deixe seu comentário
Pode te interessar