Segunda-feira, 30 de Março de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Fair

Capa – Caderno 1 Copa do Mundo Feminina: EUA vence a França e avança para semifinal

EUA vence a favorita França e avança para semifinal da Copa do Mundo. / (Foto: Reprodução/FIFA)

Duelo de favoritas! A seleção dos Estados Unidos eliminou a França pelas quartas de final da Copa do Mundo feminina. Com dois gols da capitã, Megan Rapinoe, as americanas venceram por 2 a 1. O resultado define a primeira semifinal da competição: Os Estados Unidos enfrentam a Inglaterra que venceu a Noruega por 3 a 0, n próxima terça-feira. A seleção americana é a única fora da Europa que continua na competição.

As americanas abriram o placar logo no início, aos 4 minutos do primeiro tempo com uma cobrança de falta de Rapinoe. Ela bateu pelo canto esquerdo, Ertz fez a bola passar entre as pernas de duas jogadoras francesas e enganou a goleira francesa, Bouhaddi.

Os outros dois gols vieram no segundo tempo. Os Estados Unidos ampliaram, novamente com Rapinoe mas a zagueira, Wendie Renard, descontou de cabeça. Nas oito Copas do Mundo feminina já realizadas, as americanas chegaram pelo menos às semifinais em todas edições. Com o resultado, as anfitriãs não garantiram a vaga para as Olimpíadas de Tóquio em 2020, já que de acordo com os critérios de classificação, somente as três primeiras seleções da Europa se classificam e Itália, Holanda, Alemanha e Suécia ainda seguem na competição.

(Foto: Reprodução/FIFA)

A técnica francesa não poupou palavras em seu desabafo após a partida. Corinne Diacre avaliou como um “fracasso” a eliminação da França. “Sim, foi um fracasso em se tratando de futebol. Não podemos nos esconder disso. Ficamos longe do que era nosso objetivo. Espero que a gente tenha ganho outra coisa esta noite e ao longo do torneio, o coração das pessoas”.

(Foto: Reprodução/FIFA)

Apesar da frustração, as francesas deixaram o campo do Parc des Princes com lágrimas no rosto mas foram aplaudidas e conseguiram uma mobilização do país nunca antes vivida em relação ao futebol feminino. A técnica ainda fez um apelo e pediu apoio a modalidade. “Espero que a gente continue fazendo algo a mais pelo futebol feminino. Apesar de tudo, chegamos perto.”

(Foto: Reprodução/FIFA)

Hoje, Itália e Holanda se enfrentam às 10h no Stade du Hainaut. Já às 13h30, Alemanha e Suécia encerram a última rodada destas quartas de final da competição no estádio Route de Loriente.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Capa – Caderno 1

Animais de estimação participam da 1ª “Cãominhada da Diversidade”, neste sábado, em Porto Alegre
Cúpula do G-20 encerra neste sábado com apoio dos países ao livre-comércio
Deixe seu comentário
Pode te interessar