Quinta-feira, 02 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
10°
Partly Cloudy

Capa – Destaques Cristiane marca três gols e Brasil estreia com vitória contra Jamaica

Compartilhe esta notícia:

Brasil estreou com três gols de Cristiane. (Foto: Reprodução/ CBF)
Por Isadora Aires

A Seleção Brasileira estreou com vitória na Copa do Mundo da França. Contra a Jamaica, a partida começou às 10h30 (horário de Brasília) deste domingo (9) em Grenoble, na França. Sem Marta, a Seleção iniciou pressionando as adversárias. Aos dois minutos, após uma cobrança de escanteio, a sobra ficou para Thaisa, que bateu para o gol. A bola desviou na zaga. Aos sete, a pressão continuou: Debinha recebeu lançamento e tentou driblar a goleira jamaicana Schneider, que desviou a bola com a mão. A atacante ainda tentou mandar para o gol, mas o chute foi fraco.

Quatro minutos depois, Andressa cobrou falta pela esquerda para Mônica desviar pelo alto. A bola saiu ao lado do gol. Aos 13, primeira tentativa da Jamaica: Shaw recebeu na esquerda e chutou rasteiro para Bárbara defender. Dois minutos depois, Cristiane recebeu cruzamento de esquerda de Andressa e subiu para completar de cabeça. 1 a 0 para o Brasil. Aos 16, o primeiro cartão amarelo do jogo saiu para Plummer. Aos 19, a Jamaica novamente chegou pela direita, dessa vez com Matthews, que cruzou na linha de fundo para Blackwood bater de primeira. A bola saiu ao lado do gol brasileiro. Aos 24, nova tentativa de Debinha: depois de receber na esquerda de Andressa Alves, bateu forte, mas Schneider defendeu.

Três minutos depois, Carter chegou pela direita batendo direto no gol de Bárbara. A bola passou ao lado da goleira. Aos 29, mais trabalho para Bárbara: Shaw arrancou pela direita e soltou uma bomba para a goleira brasileira saltar e defender. Um minuto depois, a Seleção se atrapalhou na área: Debinha arrancou pela esquerda até a linha de fundo e rolou para Andressa Alves. Cristiane tentou dominar mas acabou atrapalhando a meia, que chutou fraco, em cima da zaga jamaicana.

Aos 33, Brasil impedido: Cristiane foi lançada nas costas da zaga e bateu para a defesa de Schneider, mas a árbitra já tinha marcado o impedimento. Dois minutos depois, Carter cruzou pela esquerda e Bárbara saiu do gol para tentar fazer a defesa, mas a bola escapou de sua mãos. Shaw apareceu para pegar a sobra, mas a goleira do Brasil conseguiu se recuperar e defender.

Um minuto depois, pênalti para a Seleção. Andressa Alves recebeu no início da área e tocou para Leticia. Quando a lateral tentou cruzar, a bola bateu no braço de Swaby. A árbitra demorou, mas marcou o pênalti. Mesmo com a chance de aumentar o placar, Andressa bateu fraco e rasteiro e Schneider fez a defesa. Aos 46, a árbitra Riem Hussein marcou o fim do primeiro tempo.

Na volta para a etapa complementar, o Brasil voltou tentando o segundo gol. Logo aos três minutos, Debinha lançou para a área e Cristiane tocou para Andressa Alves, que devolveu para a atacante. Cris dominou e bateu para o gol, mas a bola foi pra fora. Um minuto depois, Debinha pegou a sobra e passou para Andressa Alves, que cruzou na pequena área. A bola passou por duas brasileiras e sobrou para Cristiane mandar para o gol. Plummer tentou salvar, mas a bola já tinha cruzado a linha. 2 a 0 para o Brasil.

Dois minutos depois, Formiga lançou para Debinha que entra na área. Na disputa corpo a corpo com Bond-Flasza, a jogadora caiu e pediu o pênalti, mas a árbitra Hussein mandou seguir. Aos 12, Formiga levou o primeiro cartão amarelo da Seleção. Um minuto depois, perigo na grande área brasileira: após cobrança de falta, Bárbara tentou tirar a bola com um soco, mas Shaw chegou antes e desviou de cabeça. A bola saiu ao lado do gol. Aos 15, outra tentativa do time jamaicano: Bárbara subiu mal e não conseguiu alcançar a bola, que sobrou para Swaby. A jogadora mandou para fora. Nesse momento, o Brasil tinha superioridade no jogo.

Aos 17, substituição na Jamaica: saiu Matthews para a entrada de Brown. Um minuto depois, Cristiane ampliou ainda mais o placar e marcou o terceiro dela no jogo. A camisa 11 do Brasil mandou uma bomba para o canto do gol jamaicano. A bola explodiu no travessão e cruzou a linha do gol. 3 a 0 para o Brasil e hat-trick de Cristiane.

Aos 19, troca-troca na Seleção: Bia Zaneratto saiu para entrada de Geyse e Cristiane, artilheira da partida – e até então, do campeonato – deu lugar para Ludmila. Aos 30, a última substituição da Seleção veio com Daiane na saída de Kathellen. Dois minutos depois, Geyse recebeu na área e bateu forte no canto, mas Schneider defendeu. Aos 33, mais uma chance brasileira: depois de uma cobrança de escanteio afastada pela zaga jamaicana, a bola caiu para Thaisa, que bateu forte por cima do gol.f

Um minuto depois, substituição na Jamaica: saiu Carter para a entrada de Cameron. Aos 34, confusão no time adversário. Geyse aproveitou a oportunidade e cruzou para Ludmila, que bateu para fora. Aos 42, mais uma tentativa de Ludmila, que entrou na área e bateu na saída de Schneider. A bola saiu para o lado do gol. A árbitra ainda deu quatro minutos de acréscimo, mas a partida acabou aos 48 com vitória elástica do Brasil.

O próximo jogo das meninas será na quinta-feira (13), às 13h (horário de Brasília), contra a seleção da Austrália, em Montpellier.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Capa – Destaques

Prefeitura leva pessoas atendidas por programas sociais ao amistoso da Seleção Brasileira
Torcedor gremista que atirou rojão aceso é identificado e encaminhado ao jecrim
Deixe seu comentário
Pode te interessar