Quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Notícias Durante reunião nos Estados Unidos, o governador gaúcho voltou a divulgar o Rio Grande do Sul para possíveis investidores

Compartilhe esta notícia:

Eduardo Leite (C) embarca nesta semana para a Inglaterra. (Foto: Rodger Timm/Palácio Piratini)

Nessa terça-feira, a comitiva liderada pelo governador gaúcho Eduardo Leite em Nova York (EUA) foi recebida pelo presidente-executivo das operações do Bank of America Merryll Linch no Brasil, Eduardo Alcalay, e diretores da instituição financeira na América Latina. O chefe do Executivo gaúcho falou sobre o Estado e apresentou as possibilidades de negócio com o objetivo de atrair investimentos.

“Não tenho dúvidas que vamos superar a dificuldade das contas públicas”, disse o governador na ocasião. “O Estado é forte, tem um excelente capital humano, uma vocação empreendedora que está no DNA dos gaúchos, posição geográfica estratégica, indústrias e empresas consolidadas e reconhecidas mundialmente.”

Leite também falou sobre o processo de privatizações em andamento e reiterou que o Estado está aberto a investimentos privados. Citou a concessão de rodovias e de hidrovias, dentre outras: “Ajudamos a esclarecer pontos nacionais, como a importância da Reforma da Previdência. Uma vez que a reforma seja aprovada e fique claro que é seguro investir no Brasil, os investidores vão procurar o melhor local para investir, então estamos colocando o RS no radar deles”.

Ainda segundo Leite, a retirada da exigência de plebiscito para a venda de estatais já mostra que o RS está à frente de outros Estados: “Não tenho dúvidas de que essa viagem é proveitosa no sentido de deixar as melhores impressões e se tornar alvo de investimentos”.

O presidente do Bank of America falou sobre a admiração que tem pelo RS e disse considerar a região “inspiradora” em função de características como “as tradições, a educação do povo e o conceito empresarial”. Alcalay informou que o Brasil é o terceiro maior mercado internacional do banco, atrás apenas do Reino Unido e da China.

Há mais de 60 anos no Brasil, a instituição financeira tem escritórios em São Paulo e Rio Janeiro, e trata de operações de banco de atacado, investimentos e corretora, como mercado de ações, pesquisas e transações globais.

Os secretários Artur Lemos Júnior, do Meio Ambiente e Infraestrutura, Marco Aurelio Cardoso, da Fazenda, e Bruno Vanuzzi, de Parcerias, acompanharam o governador na reunião, assim como o presidente da Assembleia, deputado Luís Augusto Lara.

Ainda pela manhã, o governador e os secretários estiveram na sede da Cosan em Nova York, uma das principais empresas brasileiras. Recebidos pelo CEO Marcos Lutz, falaram sobre logística, investimentos, privatizações e concessões, especialmente na área de ferrovias. A empresa atua em setores estratégicos como agronegócio, distribuição de combustíveis e de gás natural, lubrificantes e logística.

UBS

O governador e os secretários também estiveram à tarde na sede do banco UBS, onde foram recebidos pela vice-presidente Ros Stephenson e diretores. Na ocasião, Leite apresentou as potencialidades e oportunidades de negócio no Rio Grande do Sul.

Com sede em Zurique, na Suíça, o UBS Group AG presta serviços financeiros a pessoas físicas, empresas e instituições. Está presente em todos os principais centros financeiros e tem escritórios em mais de 50 países.

A agenda dessa terça-feira foi encerrada com mais dois compromissos, à noite. O governador participou do jantar Person of the Year, promovido pela Câmara de Comércio Brasil-EUA, e depois esteve em um evento da revista “Forbes”.

O roteiro no Exterior foi iniciado na segunda-feira e tem duração de seis dias. Após a agenda de Nova York (13, 14, 15 e 16), Leite seguirá para Londres (Inglaterra), onde permanecerá nos dias 17 e 18.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Notícias

Google aposta em inteligência artificial com maior “privacidade”
Regina Becker destaca importância da Campanha do Agasalho: “É ato de solidariedade”
Deixe seu comentário
Pode te interessar