Sábado, 15 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Partly Cloudy

Política Embaixador deve ser o representante do governo brasileiro na posse do novo presidente da Argentina

Compartilhe esta notícia:

Bolsonaro não comparecerá à solenidade

Foto: Isac Nóbrega/PR
“Se cair mais 0,5%, que pode ser que caia agora na próxima reunião do Copom, nós vamos gastar menos com isso”, acrescentou. (Foto: Isac Nóbrega/PR)

O Palácio do Planalto informou nesta segunda-feira (09) que o embaixador do Brasil em Buenos Aires, Sergio Danese, deve ser o representante do governo brasileiro na posse do novo presidente da Argentina, Alberto Fernández. A solenidade está marcada para esta terça-feira (10).

“Até o momento, apenas o embaixador do Brasil em Buenos Aires, Sergio Danese, vai representar o governo”, informou a Presidência da República. Essa deve ser a primeira vez desde 2003 que o chefe de Estado brasileiro não irá à posse do novo presidente argentino.

Durante a campanha presidencial na Argentina, Bolsonaro fez diversas críticas a Fernández e defendeu reiteradas vezes a reeleição de Mauricio Macri, que perdeu no primeiro turno. Após a eleição, Bolsonaro disse que não cumprimentaria Fernández, acrescentando que a população argentina escolheu “mal” o novo presidente.

Em novembro, o Palácio do Planalto chegou a anunciar que Bolsonaro havia escolhido o ministro da Cidadania, Osmar Terra, para representá-lo na posse de Fernández, que marca a volta da esquerda ao poder na Argentina.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Política

Inflação para o consumidor aumenta na primeira semana de dezembro
Para o ministro Sérgio Moro, volta da condenação após segunda instância é “imprescindível”
Deixe seu comentário
Pode te interessar