Sexta-feira, 12 de agosto de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Brasil Escola de São Paulo está sendo acusada de racismo após pedir que as alunas usem o cabelo “liso e solto”

Compartilhe esta notícia:

Escola usou imagem da personagem Maria Joaquina para ilustrar. (Crédito: Reprodução)

Uma escola em São Paulo (SP) vem sendo acusada de racismo após a repercussão de um comunicado enviado aos pais, pedindo para que alunas comparecessem a uma apresentação de fim de ano com o “cabelo liso e solto”. Assim sendo, segundo o comunicado, a apresentação ficaria “mais bonita”.

Como imagem ilustrativa, o colégio ainda optou por uma escolha infeliz: a foto de Maria Joaquina, a personagem de cunho racista interpretada pela atriz Larrissa Manoela no remake da novelinha “Carrossel”, do SBT. Para quem não lembra, na trama Maria Joaquina xingava constantemente o colega de classe Cirilo (Jean Paulo Campos), negro, pobre e apaixonado pela menina.

A reação nas redes sociais foi imediata, com posts de pessoas próximas a alguns responsáveis que receberam o aviso demonstrando sua indignação.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Conheça a história do homem que virou mulher e agora quer se transformar em um cavalo
Bancada do PT vai pedir ao partido suspensão do senador preso Delcídio do Amaral
Deixe seu comentário
Pode te interessar