Quinta-feira, 28 de outubro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
28°
Fair / Wind

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Grêmio Grêmio conquista seu primeiro ponto no Brasileirão ao empatar com o Santos em 2 a 2

Compartilhe esta notícia:

O resultado mantém o Grêmio na lanterna do nacional, agora com 1 ponto. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Depois de seis rodadas do Brasileirão, o Grêmio conquistou na noite desta quinta-feira (24), o seu primeiro ponto no campeonato. Com dois jogos a menos, o Tricolor empatou com o Santos em 2 a 2, após ficar na frente no placar por duas vezes na partida, realizada na Arena. O resultado manteve o time gaúcho na lanterna da tabela de classificação.

Diego Souza e Matheus Henrique marcaram os gols gremistas. Marcos Guilherme e Marinho anotaram para os visitantes. O próximo compromisso do Grêmio será, neste domingo (27), contra o Fortaleza.

Primeiro tempo

O donos da casa começaram bem a partida e logo aos 3 minutos foi efetivo, abrindo o marcador. Rafinha cruzou na área, Victor Bobsin ajeitou para trás e Diego Souza finalizou de voleio, mandando para o fundo das redes.

Ainda nos momentos iniciais, o Santos também ameaçou. Antes dos 10’, Kaio Jorge recebeu um lançamento e acionou Marinho, mais atrás. O atacante tentou a finalização, mas Rafinha cortou de carrinho.

Passados 20’, o Grêmio tentou novamente com um cruzamento de Diogo Barbosa. No lance, Diego Souza fez o desvio para Léo Pereira, que dominou e chutou, mas mandou e cima da marcação.

Aos 28’, o Santos conseguiu chegou ao empate com Marcos Guilherme, após uma tabela com Camacho. O atacante recebeu por cima e mandou para o gol.

Já aos 32’, os gremistas tiveram uma chance no campo de ataque com Diego Souza, que recebeu um lançamento, girou, mas acabou travado pela defesa santista. Três minutos depois, Léo Pereira invadiu a área e chutou forte, obrigando João Paulo a fazer uma grande defesa e mandar a bola para escanteio.

Aos 40’, o Tricolor enfim voltou a frente no marcador. Diego Souza saiu em velocidade pela esquerda, ganhou da marcação, invadiu a área e rolou para Matheus Henrique, que empurrou para o fundo das redes, assinalando o segundo gol tricolor.

Segundo tempo

A primeira chance da etapa complementar foi do Grêmio. Ferreirinha saiu em velocidade e na frente do gol, finalizou, mas a bola saiu à esquerda da meta.

Com 9 minutos jogados, foi a vez de Diogo Barbosa cobrar um escanteio. Kannemann desviou de cabeça, mas a bola subiu demais. Minutos depois, Léo Pereira saiu em velocidade e cruzou na área. Ferreira conseguiu o domínio, passou pela marcação e chutou, mas João Paulo defendeu.

Passados 21’, Matheus Henrique fez uma boa jogada individual pelo meio e rolou para trás, para Léo Pereira. O atacante chutou, mas por sobre o gol do Peixe.

A primeira alteração no Grêmio foi providenciada, com Douglas Costa no lugar de Léo Pereira, aos 26’.

O Santos teve uma falta a seu favor, em que Marinho cobrou direto, mandando por sobre a meta. Outra chance saiu novamente dos pés do atacante, acionado na área, mas finalizou para fora.

Tanto insistiu, que o Peixe chegou novamente ao empate aos 33’, quando Marinho arrematou de longe, mandando para o gol e igualando a contagem mais uma vez.

Aos 35’, quase que o Tricolor marcou o terceiro, quando Rafinha cruzou na pequena área e Ferreira desviou de cabeça, quase que de peixinho, para o gol, mas João Paulo fez uma grande defesa.

Na reta final, o técnico Tiago Nunes fez mais duas alterações: tirou Matheus Henrique e Diego Souza para colocar Jean Pyerre e Ricardinho.

Ficha técnica

— Grêmio: Gabriel Chapecó, Rafinha, Pedro Geromel, Kannemann, Diogo Barbosa, Victor Bobsin, Thiago Santos, Matheus Henrique (Jean Pyerre), Léo Pereira (Douglas Costa), Diego Souza (Ricardinho) e Ferreira. Técnico: Tiago Nunes.

— Santos: João Paulo, Pará (Madson), Luiz Felipe, Luan Perez, Felipe Jonatan (Lucas Braga), Alison (Camacho), Jean Mota, Gabriel Pirani (Carlos Sánchez), Marinho, Kaio Jorge e Marcos Guilherme. Técnico: Fernando Diniz.

— Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira (RN), auxiliado por Jean Márcio dos Santos (RN) e  Lorival Candido das Flores (RN). Quarto árbitro: Roger Goulart (RS). VAR (árbitro de vídeo): Gilberto Rodrigues Castro Júnior (PE).

tags: em foco

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Grêmio

Grêmio x Santos: Escalações, momentos, arbitragem e transmissão
Tiago Nunes revê atitude e friza pedido de desculpas a Fabris: “Tem propriedade para falar”
Deixe seu comentário
Pode te interessar