Sábado, 17 de Abril de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Mostly Cloudy

Gauchão 2021 Com vitória de 1 a 0 em casa no Grenal 430, o Grêmio assume a liderança do Campeonato Gaúcho

Compartilhe esta notícia:

Tricolor tem agora os mesmos 17 pontos do Colorado, mas com vantagem no saldo de gols. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Jogando em casa no final da noite deste sábado (4), o Grêmio venceu o Grenal 430 por 1 a 0, em partida válida pela nona rodada do Campeonato Gaúcho. O gol foi marcado aos 43 minutos do segundo tempo pelo atacante Léo Chu. Com esse placar, o Tricolor assumiu a liderança do torneio, com os mesmos 17 pontos do Inter mas em vantagem no saldo de gols.

O resultado na Arena impediu que o técnico espanhol Miguel Ángel Ramírez estreasse com vitória no clássico estadual – ele assumiu o cargo em março e vinha de uma sequência de resultados positivos na competição nas últimas semanas. Além disso, o tropeço diante do rival “melou” a comemoração dos 111 anos de fundação do clube.

O duelo

Os primeiros instantes do clássico foram equilibrados, com muita disputa no meio-campo. O Inter foi quem inicialmente chegou ao campo de ataque, com 5 minutos de bola rolando.

Após uma cobrança de escanteio, em que Moisés colocou no primeiro poste, Yuri Alberto tentou completar, mas dividiu com Maicon e mandou a bola pela linha de fundo. O Tricolor tentou ameaçar pela direita com Alisson mas o atacante dividiu com Moisés na intermediária e, segundo arbitragem, cometeu falta sobre o lateral.

Passados 12’, Vanderson fez um cruzamento da direita, Rodrigo Dourado desviou e a bola sobrou para Alisson, que cabeceou com força para baixo e a bola saiu pela linha de fundo. Em seguida, depois de uma boa troca de passes, foi a vez de Pinares receber na esquerda e chutar cruzado – a bola desviou na zaga e saiu a escanteio.

Logo em seguida, Matheus Henrique arriscou da entrada da área e a marcação acabou desviando pela linha de fundo, cedendo escanteio. Após a cobrança, a bola pareceu bater na mão de Lucas Ribeiro, mas o lance não foi verificado junto ao VAR.

Aos 45’, os colorados conseguiram criar a melhor chance de gol da partida. Praxedes foi acionado com um passe em profundidade, invadiu a área e ficou cara a cara com Brenno, que fechou o gol e fez uma grande defesa.

Na segunda etapa, o Grêmio voltou com a mesma formação. A primeira chance de ataque foi adversária, aos 3’. Moisés bateu direto, mandando por sobre a meta, sem nenhum perigo para Brenno.

Com 7’, o Grêmio chegou muito bem com uma troca de passes rápida. Diogo Barbosa tentou o cruzamento, mas a zaga cortou a escanteio.

O Inter teve uma grande oportunidade aos 14’, quando Lucas Ribeiro saiu do campo de defesa, seguiu em velocidade e invadiu a área, passando pela marcação. Quando ficou cara a cara com Brenno, chutou buscando o canto esquerdo da meta e mandou para fora.

O técnico Renato Portaluppi fez suas duas primeiras alterações: Ricardinho e Darlan ocuparam os lugares de Pinares e Maicon, aos 17’. Passados 2’, o Grêmio teve uma chance com uma falta da intermediária, pela esquerda. Alisson colocou na área, mas a zaga cortou e logo lançou Yuri Alberto no ataque, mas Ruan conseguiu recuperar e ao final, acabou sofrendo falta.

Aos 22’, a melhor oportunidade do Tricolor: Darlan fez um passe em profundidade perfeito para Ferreira, que recebeu em condições, cortou pra perna direita e chutou – a bola passou raspando a trave, por sobre a meta defendida por Lomba.

Com 32’, Edenilson foi acionado dentro da área, mas Brenno foi bem demais e saiu do gol para fazer a defesa e impedir o que poderia ser o primeiro gol adversário.

Em resposta, no minuto seguinte, Matheus Henrique encontrou Vanderson, que fez um cruzamento da direita dentro da pequena área. Ricardinho completou de carrinho, mas a bola foi para fora, na melhor oportunidade gremista.

Outras duas alterações foram providenciadas aos 35’: Léo Chú e Lucas Silva ocuparam os lugares de Alisson e Diego Souza. Já em sua primeira participação, Léo Chú saiu em velocidade pela esquerda, deixou no chão o zagueiro e cara a cara com Marcelo Lomba, acionou Lucas Silva mais à direita. O volante finalizou, mas Moisés salvou quase em cima da linha, com 38 minutos. Leo Pereira no lugar de Ferreira foi a última modificação providenciada pelo técnico Renato.

O resultado da noite foi selado os 43 minutos, quando o atacante Léo Chú recebeu na meia-esquerda, avançou, cortou o marcador e chutou no ângulo, sem chances de defesa do goleiro Marcelo Lomba, assinalando um golaço.

Ficha técnica

– Grêmio: Brenno, Vanderson, Ruan, Rodrigues, Diogo Barbosa, Maicon (Darlan), Matheus Henrique, Pinares (Ricardinho), Alisson (Léo Chú), Ferreira (Léo Pereira), Diego Souza (Lucas Silva). Técnico:Renato Portaluppi.

– Inter: Marcelo Lomba, Rodinei (Heitor), Lucas Ribeiro, Víctor Cuesta, Moisés, Rodrigo Dourado, Edenílson, Praxedes (Nonato), Maurício (Caio), Yuri Alberto (Paolo Guerrero), Patrick (Carlos Palacios). Técnico:Miguel Ángel Ramírez.

– Arbitragem: Anderson Daronco, auxiliado por Rafael da Silva Alves e Tiago Augusto Kappes Diel. Quarto árbitro:Lucas Guimarães Rechatiko Horn. VAR (árbitro de vídeo): Daniel Nobre Bins.

tags: em foco

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Gauchão 2021

Deixe seu comentário
Pode te interessar

sem nada para mostrar