Terça-feira, 13 de Abril de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Mostly Cloudy

Notícias Hospital de Pronto Socorro tem nova diretora-geral

Compartilhe esta notícia:

Enfermeira Tatiana Razzolini Breyer assume o cargo segunda-feira. (Foto: Cristine Rochol/PMPA)

O HPS (Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre) terá nova diretora-geral a partir de segunda-feira (28), quando a enfermeira Tatiana Razzolini Breyer assume o cargo. Formada pela Ufrgs (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), ela é servidora pública do quadro municipal. Entre as atividades desempenhadas na SMS (Secretaria Municipal de Saúde), estão quatro anos no Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e atuação como enfermeira na UTI de trauma do HPS. Além disso, criou a Coordenação de Atenção Hospitalar de Porto Alegre, onde atuava como coordenadora-adjunta. Nesta função, comandou diretamente a implantação do Hospital Santa Ana e a ampliação do Hospital da Restinga Extremo Sul.

A servidora é coordenadora do plano de atividades do City Cancer Challenge, projeto global que escolheu Porto Alegre para participar de programa de enfrentamento do câncer, doença prevalente no Brasil e que já mata tanto quanto doenças cardiovasculares. Tatiana explica que todos os projetos passarão por uma transição para que ela possa se dedicar com exclusividade ao Hospital de Pronto Socorro. Ela é a primeira enfermeira a comandar o HPS e a segunda mulher à frente da instituição.

O secretário municipal de Saúde, Pablo Stürmer, salienta a experiência da nova diretora e o desafio de comandar o hospital. “Buscamos avançar a gestão desse importante hospital com talentos identificados dentro da Secretaria”, declara. Stürmer destaca ainda a importância do trabalho desenvolvido pelo antecessor, o médico Amarílio de Macedo Neto. “O conhecimento e experiência do doutor Amarílio contribuíram para manter o Hospital de Pronto Socorro em evidência e como referência em trauma. Foi uma gestão marcada pela identificação com as práticas da instituição e por novas ideias para o ambiente hospitalar”, afirma.

HPS

O Hospital realiza mais de 900 atendimentos diários em especialidades médicas e odontológicas necessárias ao atendimento integral aos pacientes vítimas de politraumatismos e lesões agudas. Uma das características marcantes é que 30% dos leitos são de UTI, demonstrando ser um hospital voltado e equipado para o atendimento de pacientes críticos.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Notícias

Brasileiro, foragido desde 2017, acusado de pagar propina a membros do Comitê Olímpico Internacional, é preso nos Estados Unidos
Tribunal da Operação Lava-Jato nega pedido de Lula e mantém julgamento sobre anulação de sentença do sítio
Deixe seu comentário
Pode te interessar