Sábado, 27 de Fevereiro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Fair

Cultura Instituições da Secretaria da Cultura do RS iniciam 2021 com reabertura gradual

Compartilhe esta notícia:

Montagem da exposição "Mulheres nos acervos", no Museu de Arte Contemporânea.

Foto: Kevin Nicolai/Divulgação
Montagem da exposição "Mulheres nos acervos", no Museu de Arte Contemporânea. (Foto: Kevin Nicolai/Divulgação)

Nesta quarta-feira (20), a CCMQ (Casa de Cultura Mario Quintana) volta a receber visitantes, em esquema de agendamento. Ela estava fechada ao público desde março, em função das medidas de distanciamento social e de obras de adequação ao PPCI (Plano de Prevenção e Proteção contra Incêndios). Também serão reabertos alguns espaços e instituições que funcionam CCMQ (Rua dos Andradas, 736): Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul (MACRS), Espaço Maria Lídia Magliani, Sala Radamés Gnattali – salas expositivas – e Espaço Majestic – térreo da CCMQ.

O agendamento deve ser feito pelo e-mail visitaccmq@gmail.com. A CCMQ receberá um número restrito de pessoas por turno, de forma a respeitar os protocolos de segurança contra a Covid-19. Também mediante agendamento, o público poderá contar gratuitamente com uma opção de visita mediada pela equipe da Casa de Cultura.

“Esta é a primeira etapa da reabertura, que será gradativamente ampliada. Vamos garantir que o público possa fruir os espaços culturais da maneira mais segura possível. As visitas pré-agendadas e com quantidade de público controlada nos garantem o cumprimento rigoroso de todos os cuidados sanitários que se fazem necessários”, observa o diretor da Casa de Cultura, Diego Groisman.

Durante o fechamento, a instituição manteve uma intensa agenda de eventos pelas redes sociais (Facebook e Instagram) e pelo canal do YouTube. Enquanto isso, remodelou seu espaço físico para a reabertura. “No período sem visitação pública, os espaços expositivos e museológicos foram ampliados e renovados pela equipe da Casa de Cultura. São algumas das novidades que o público poderá conferir, inicialmente, por meio de visitas agendadas”, explica Groisman.

Reabertura gradual

A retomada das atividades nas instituições da Sedac começou em outubro, obedecendo os protocolos estabelecidos pelo governo do Estado no que se refere à Covid-19. No dia 22 foram reabertos Memorial do RS, Arquivo Histórico, Mars (Museu Antropológico), MuseCom (Museu da Comunicação Hipólito José da Costa), Museu Julio de Castilhos e Margs (Museu de Arte do Rio Grande do Sul) – com visitação temporariamente interrompida para reformas.

As visitas obedecem às diretrizes sanitárias e algumas instituições também recebem o público mediante agendamento. O mesmo vale para as instituições da Sedac no interior – Museu Estadual do Carvão, de Arroio dos Ratos, e Parque Histórico General Bento Gonçalves, de Cristal (confira abaixo o modo de visitação de cada instituição). O Museu Histórico Farroupilha, de Piratini, está temporariamente fechado para receber melhorias, de forma a receber a coleção Tchê Voni Farrapo, coleção farroupilha doada por Volnir Júnior dos Santos. A previsão é que em março o Theatro São Pedro e a Ospa (Orquestra Sinfônica de Porto Alegre) também retomem as atividades.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Cultura

Restam poucos dias para pagamento do IPVA com o desconto de janeiro
A China vai acelerar envio da matéria-prima de vacina contra a Covid-19, diz o presidente da Câmara dos Deputados
Deixe seu comentário
Pode te interessar