Domingo, 20 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
15°
Fair

Notícias Notebook da Xiaomi bate o MacBook, da Apple, com um preço bem mais baixo

Compartilhe esta notícia:

Mi Notebook Air da Xiaomi. (Foto: Divulgação/Xiaomi)

O Mi Notebook Air, linha de notebooks da Xiaomi, ganhou novas versões nesta semana, na China. Os produtos, que repetem o perfil dos MacBooks Air da Apple, pesam 1,07 kg e têm apenas 12,9 milímetros de espessura. Os novos modelos vêm com processadores de oitava geração da Intel e oferecem tela de 12,5 polegadas, com resolução Full HD, além de sistema de som com assinatura Harman Kardon.

Os novos notebooks começam a ser vendidos nesta quinta-feira (28) por preços a partir de 3.599 yuans (aproximadamente 2.074 reais, em conversão direta, sem impostos) para a versão de entrada com processador Core M3. O valor é bem mais baixo do que o rival MacBook Air, que custa a partir de 10.399 reais no Brasil. No entanto, vale lembrar que não há previsão de lançamento dos produtos no País, visto que a Xiaomi não atua por aqui de forma oficial. Os usuários interessados devem optar pela importação.

Os notebooks oferecem duas opções de processamento: o Core M3, mais fraco, e o Core i5, para quem desejar mais performance. Independentemente da CPU, o Mi Notebook Air vem sempre com os mesmos 4 GB de memória RAM, quantidade relativamente baixa, e soma 128 GB ou 256 GB de espaço para armazenamento de dados em SSD.

Além do sistema de som Harman Kardon, o notebook se destaca por conta da construção, que usa alumínio na carcaça. Outro ponto que chama atenção é a tela revestida de vidro e safira, material de alta resistência contra riscos e que deve dar mais durabilidade ao display Full HD do produto.

Embora a Xiaomi não tenha divulgado estimativas sobre a autonomia da bateria, a fabricante promete longa duração. Além disso, o componente pode ser recarregado em até 50% com apenas 35 minutos na tomada. Enquanto a versão com chip M3 é a mais em conta, o Mi Notebook Air com Core i5 e 256 GB de espaço vai custar 4.299 yuans (aproximadamente 2.477 reais). Por enquanto, não há informações sobre lançamento do produto no Brasil.

Fones de ouvido

O Redmi AirDots é o novo fone de ouvido da marca criada pela Xiaomi para seus produtos de entrada. Completamente sem fio, o dispositivo Bluetooth foi anunciado como alternativa aos AirPods da Apple. O acessório tem design discreto parecido com o do Xiaomi Mi AirDots, lançado há alguns meses pela fabricante.

Usando a marca Redmi, famosa pelos celulares mais baratos, os novos AirDots se destacam pelo preço baixo: O modelo chega por 99 yuans (cerca de 55 reais, em conversão direta, sem impostos), a metade do valor de lançamento dos Xiaomi AirDots. Além disso, a nível de comparação, o modelo rival da Apple é vendido por 1.499 reais na loja oficial da empresa ou por 1.065 reais no varejo online, segundo o Compare TechTudo. Segundo a Redmi, os novos fones entram em comercialização já em 9 de abril. Por enquanto, não há informações sobre lançamento no Brasil.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Notícias

O ministro da Educação disse que o presidente do Inep foi demitido porque “puxou o tapete”
Os juros do cheque especial e do cartão de crédito subiram ainda mais em fevereiro
Deixe seu comentário
Pode te interessar