Domingo, 05 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Cloudy

Esporte O valor do dólar impediu a concretização do acerto entre Boca Juniors e Guerrero

Compartilhe esta notícia:

Guerrero tem presença no Colorado acertada até o final de 2021. (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

O empresário Mariano Pernía, representante de Paolo Guerrero na Argentina, revelou detalhes da negociação que cause ocasionou na ida do peruano para o Boca Juniors. Em entrevista divulgada pelo portal TyC Sports, Pernía apontou que uma diferença na cotação do dólar foi fator decisivo para a interrupção do negócio.

“Estávamos muito próximos. Em outro contexto do dólar, isso teria acontecido. De 1 a 10, esteve  em 9 para fechar”, revelou o representante de Guerrero. Em outro trecho da entrevista, foi relatado que havia um pré-acordo entre as partes, mas as mudanças na direção do clube xeneize também foi um entrave, completou Mariano Pernía: “Um mês antes das eleições houve um pré-acordo, mas a presidência mudou e tudo mudou. Encontrei-me com Román (Riquelme, vice-presidente) duas ou três vezes e procuramos um caminho, mas neste país isso não pode ser feito. E graças a Deus, isso não foi feito, porque quando falamos, o dólar ‘não oficial’ estava 10% acima do oficial, mas agora está 100% e seria um problema”.

No final do ano passado, Paolo Guerrero gerou preocupação para os torcedores e a própria direção colorada sobre o interesse do clube argentino. Contudo, com os empecilhos na negociação, o peruano segue em Porto Alegre e tem presença acertada até o final de 2021.

Dourado

Na última sexta (29), o Inter anunciou de forma oficial a renovação com Rodrigo Dourado. O novo contrato é válido até dezembro de 2022. Após o acerto, o volante, que está em recuperação de uma lesão no joelho esquerdo, disse que está sentindo bem e aguarda para retornar a fazer o que mais ama.

Com a renovação, aumentam-se as expectativas pelo retorno do jogador aos gramados. O então capitão colorado teve sua última partida no dia 10 de julho, na partida contra o Palmeiras, ainda pela Copa do Brasil de 2019, quando sofreu uma lesão grave no esquerdo.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

O Grêmio não demonstra “pressa” para repor a saída de Caio Henrique e jovens da base pedem passagem
Os clubes espanhóis retomaram os treinamentos em grupo nesta segunda-feira, começando a fase final dos preparativos para o retorno do campeonato nacional
Deixe seu comentário
Pode te interessar