Domingo, 11 de Abril de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Fair

Esporte O Internacional estreia no Campeonato Gaúcho contra o Juventude nesta segunda

Compartilhe esta notícia:

A preparação para a estreia no Estadual chegou ao fim na tarde do domingo (28). (Foto: Ricardo Duarte/ Internacional)

O atual vice-campeão Brasileiro estreia no Campeonato Gaúcho nesta segunda-feira (1) contra o Juventude. A partida será disputada no Beira-Rio a partir das 20h. A preparação para a estreia no Estadual chegou ao fim na tarde do domingo (28). No CT Parque Gigante, o comandante Fábio Matias, acompanhado dos companheiros de comissão da categoria Sub-20, realizou atividades que encaminharam os 11 nomes que iniciarão o duelo contra o time caxiense.

Ao todo, nove atletas que já estavam entre os profissionais permanecem trabalhando no CT do Parque Gigante sob o comando do técnico Fábio Matias, dos juniores. São eles: Daniel, Vitor Hugo, Lucas Mazetti, Pedro Henrique, Léo Borges, Johnny, Lucas Ramos, Guilherme Pato (retorna de empréstimo) e Paolo Guerrero. A lista principal com 38 atletas deve ser completada até o dia 1º de abril. Já a lista de jogadores da base, entre 16 e 21 anos, com no máximo 15 nomes, tem que ser finalizada até o dia 24 de março. Até o dia 15, o clube pode trocar nomes na lista.

Já o Juventude, depois de uma temporada histórica com o retorno para a elite do futebol brasileiro, considera que todos os objetivos traçados para 2020 foram alcançados. A meta, então, é retomar o protagonismo no Campeonato Gaúcho após campanhas ruins nos últimos anos e chegar no mínimo às semifinais. Mas sem esquecer a prioridade na temporada, que é a permanência na Série A.

O técnico Marquinhos Santos iniciou a carreira de treinador em 2004 nas categorias de base de clubes paranaenses. Depois, comandou as seleções brasileira sub-15 e a sub-17. Em 2019, chegou ao Juventude com a missão de conquistar o acesso à Série B do Brasileirão, objetivo que foi cumprido. Marquinho também levou a equipe alviverde às oitavas de final da Copa do Brasil, mas não classificou o Papo para as fases decisivas do estadual. Ele acertou o retorno ao Alfredo Jaconi no início de fevereiro para o lugar de Pintado, que não acertou a renovação.

Galhardo

O atacante Thiago Galhardo, do Internacional, respondeu as provocações de Gabigol, Wllian Arão e Thiago Maia. Galhardo diz que ficou “feliz” pelo grupo flamenguista se lembrar dele na comemoração do título.

“Foi uma situação triste que vivemos, vestiário triste, o título escapou das nossas mãos. Fico muito feliz por ter sido lembrado por essa provocação porque se eu ganho o título brasileiro, pela importância, eu não me preocuparia com ninguém. Fiquei até espantado porque não foi nada direcionado (ao Flamengo). Era uma provocação de rivalidade local. Futebol tá muito chato, existem as provocações e a gente tem que viver mais isso. Obrigado por terem lembrado de mim num dia tão especial pra vocês”, disse em entrevista.

Após a partida do título, contra o São Paulo, os jogadores do Flamengo lembraram da provocação do Galhardo, fazendo o “cheirinho” rodadas antes. “Seu Galhardo, seu moleque! ‘Cê’ tem que respeitar, garoto. Olha aqui pra você, ó. Cheira aqui, garoto (mostra a medalha). Seu moleque! Não foi campeão e não foi artilheiro”, disse o Gabigol em sua rede social.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

Confira o desempenho do Grêmio nos jogos de ida em finais de Copa do Brasil
Polícia faz buscas no Barcelona e prende ex-presidente do clube
Deixe seu comentário
Pode te interessar