Quinta-feira, 09 de dezembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Partly Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Saúde Pfizer vai pedir para Anvisa liberar vacina para crianças de 5 a 11 anos

Compartilhe esta notícia:

Brasil recomendou suspender vacinação de adolescentes; no Reino Unido, decisão de vacinar com uma dose de Pfizer se deu nesta semana.

Foto: EBC
Brasil recomendou suspender vacinação de adolescentes; no Reino Unido, decisão de vacinar com uma dose de Pfizer se deu nesta semana. (Foto: EBC)

Em nota, a farmacêutica Pfizer disse nesta quarta-feira (27) que entrará com um pedido de autorização na Anvisa para que a vacina contra a Covid-19 possa ser aplicada em crianças. O pedido será feito ao longo do mês de novembro e irá atender crianças com idade entre 5 e 11 anos.

O anúncio foi feito um dia após o comitê consultivo independente da agência reguladora norte-americana (FDA, sigla em inglês) recomendar o uso da vacina produzida pela farmacêutica nesta faixa etária.

No caso dos Estados Unidos, a recomendação do comitê independente não é definitiva e nem obrigatória, mas a agência reguladora normalmente a segue à risca as indicações do grupo.

No Brasil, a Anvisa é quem decidirá se aprova ou não o usa da vacina em crianças a partir de cinco anos de idade. De acordo com a Pfizer, ainda não há data definida de quando o pedido será feito, apenas que acontecerá ao longo do mês de novembro.

Leia abaixo a nota na íntegra:

“A submissão do pedido junto à ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para a aprovação do uso da vacina ComiRNAty, da Pfizer/Biontech, para crianças entre 5 e 11 anos deve ocorrer ao longodo mês de novembro de 2021”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Saúde

Estado recebe 75 mil doses de Astrazeneca nesta quinta-feira
Governo gaúcho torna ensino presencial obrigatório e libera arquibancadas nos estádios
Deixe seu comentário
Pode te interessar