Quarta-feira, 01 de Abril de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

Brasil Tapete em homenagem a Marielle Franco é destruído pela Guarda Municipal de Ouro Preto, em Minas Gerais

(Foto: Reprodução/Twitter)

Um vídeo que circula nas redes sociais desde ontem (21) tem causado indignação em muitos internautas. As imagens mostram agentes da Guarda Municipal de Ouro Preto, em Minas Gerais, pisoteando um tapete de serragens que homenageava a vereador Marielle Franco (PSOL). A vereadora foi assassinada a tiros, junto com o motorista, em março de 2018, no Rio de Janeiro.

Os tapetes de serragem fazem parte da tradição de Páscoa na cidade, simbolizando a Procissão da Ressurreição. Nas imagens é possível ver o agente chutando e destruindo a obra. Durante o ato, pessoas ao redor protestaram aos gritos de: ‘Marielle vive”.

Nas redes sociais, internautas protestaram contra o comportamento do agente municipal: “Simplesmente vergonhosa a ação da guarda municipal destruindo os lindos tapetes que homenageavam uma pessoa que, como Jesus, lutava contra a opressão”, escreveu um homem.

“Lamentável ver um bárbaro e covarde pisoteando o tapete de flores! Se a prefeitura não afastar esses fascistas da guarda municipal, a cidade não merece receber visita de quem tem apreço e respeito pela democracia!” comentou outro internauta.

Uma internauta compartilhou o registro em sua conta no Twitter.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Brasileirão feminino: Grêmio sofre primeira derrota contra o Palmeiras
Movimento Combustível Legal será apresentado no Procon-RS
Deixe seu comentário
Pode te interessar