Quinta-feira, 24 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Fair

Notícias Trabalho escravo em Venâncio Aires é denunciado

Compartilhe esta notícia:

No ano passado, 1,7 mil casos de trabalho escravo foram identificados no Brasil, pelos fiscais da Inspeção do Trabalho. (Foto: Reprodução)

Na véspera do Dia do Trabalhador, os moradores de Venâncio Aires, no Centro do Rio Grande do Sul se depararam com uma notícia desanimadora. Adão José Espindola, de 61 anos, vivia no município em situação de vulnerabilidade, em uma moradia sem as mínimas condições de habitabilidade, vítima de trabalho escravo. O idoso trabalhava como parceiro agrícola na produção de fumo. Auditores fiscais do trabalho do Ministério da Economia chegaram a ele após uma denúncia anônima feita ao Ministério Público do Trabalho (MPT). O resgate ocorreu na última quinta-feira.

Conforme informações, ele trabalhava há 15 anos no local sem possuir qualquer recurso financeiro e sem ter outro local para residir ou familiar para auxiliá-lo. O único irmão do idoso não possui condições de abrigá-lo. Ele estava desnutrido, morava em uma peça de chão batido, junto ao galpão de secagem de fumo. Adão foi retirado do local, com o apoio do Ministério Público Estadual, e levado para uma clínica de idosos em Cruzeiro do Sul.

Em abordagem, o proprietário da fazenda alegou que o homem estaria naquela situação porque queria. Na próxima semana ele participará de uma audiência em Santa Cruz do Sul para esclarecer o caso.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Notícias

Para evitar mortes nas estradas neste feriado, a diretora institucional do Detran gaúcho, Diza Gonzaga, pede que os motoristas sejam “fiscais da vida”
Mais da metade dos brasileiros que usaram remédios nos últimos seis meses se automedicou mesmo tendo uma prescrição médica, alterando a dose do medicamento por conta própria
Deixe seu comentário
Pode te interessar