Terça-feira, 07 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre

Brasil Tentativa de feminicídio: vítima esfaqueada pelo companheiro recupera a consciência

Compartilhe esta notícia:

O companheiro da vítima cometeu suicídio após esfaqueá-la. Casal tem um filho de três meses. (Foto: Reprodução Facebook)

Juliana Varela da Silva foi encaminhada para a UTI do Hospital de Pronto Socorro (HPS) de Porto Alegre, devido a um ataque com facadas no pescoço e corpo feito pelo companheiro, Gilberto Grando, em Veranópolis. Nesta segunda-feira (24), ela recuperou a consciência, após passar por uma traqueostomia, procedimento utilizado para reverter a obstrução das vias respiratórias. A vítima da tentativa de feminicídio se comunica com médicos e familiares apenas por leitura labial, mas afirmou lembrar do que aconteceu.

Juliana foi esfaqueada por Gilberto na última sexta-feira (21), na casa do casal, na serra gaúcha. O crime aconteceu durante a madrugada, e, por acreditar que ela estava morta, o homem fugiu do local com o filho do casal, de três meses, e deixou a criança na casa de um familiar. Em seguida, ele se dirigiu até a lavagem de veículos onde trabalha, feriu o próprio corpo com uma facada e cometeu suicídio ao se enforcar com uma corda. O corpo dele foi encontrado pela manhã, quando os funcionários do estabelecimento chegaram para trabalhar.

Os vizinhos acionaram a Brigada Militar da cidade, que conseguiu encontrar Juliana ainda com vida. Primeiramente, ela foi encaminhada até o Hospital São Peregrino Lazziozi, de Veranópolis, mas, devido a gravidade dos ferimentos, foi direcionada para o HPS da capital. O filho do casal, de três meses, não se feriu e está sendo cuidado por familiares.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Governo prevê privatização da Trensurb em 2021
Dois aviões militares caem após colidirem na Alemanha
Deixe seu comentário
Pode te interessar