Últimas Notícias > Colunistas > Investimento da bancada gaúcha garantem recursos para Segurança

Prefeito Nelson Marchezan Jr. visita Rede Pampa

O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior, visitou a Rede Pampa de Comunicação nesta quinta-feira (12). O gestor municipal foi recebido às 10h, pelo apresentador Sérgio Zambiasi, para participar da programação ao vivo da Rádio Caiçara (FM 96.7). Em seguida, às 10h30, pelo comunicador Pedro Fonseca, da Rádio Pampa (FM 97.5).

Com Zambiasi, o prefeito falou sobre a expectativa de instalar relógios pela capital: “em janeiro iniciará a instalação dos relógios, já com temperatura”. Além de registrar hora e temperatura, os futuros relógios eletrônicos de Porto Alegre também devem contar com câmeras de segurança. A obrigatoriedade está no edital lançado pela prefeitura da capital. Além disso, Marchezan também ressaltou que está trabalhando em uma licitação para colocação de placas com nomes de rua em todas as ruas e na qualificação das paradas de ônibus.

De acordo com Marchezan, em entrevista para a Rádio Pampa, a prefeitura também está trabalhando em alternativas para as pessoas em situação de rua. “Uma das alternativas é encaminhar a pessoa para sua família no interior gratuitamente”, afirmou ele. Outras propostas também pretendem investir em tratamentos mais intensos, em leito hospitalar, ou, para os que não necessitarem desse tipo de cuidado, qualificação para a busca de emprego e disponibilização de moradia.

Recentemente, o prefeito encaminhou um projeto de lei à Câmara para proibir a atuação de flanelinhas em Porto Alegre. “Os [flanelinhas] que quiserem terão assistência para procurar outro tipo de emprego”, afirmou ele, ressaltando que a prefeitura irá oferecer treinamento para as pessoas que desejarem exercer outras atividades.

Marchezan afirma que a expectativa com Porto Alegre é positiva. “Em dois anos, eu nunca vim aqui dizer que [a cidade] iria melhorar, mas hoje posso garantir que a qualidade dos serviços públicos vai melhorar mensalmente e gradativamente e isso vai ser percebido pelo público”, frisou. “Hoje posso dizer que Porto Alegre vai ser uma cidade bem melhor”, completou.

(Foto: O Sul)

Em visita à Rádio Grenal, o prefeito afirmou que apesar de não ter muita afinidade com o futebol, enxerga que “o Grêmio e o Inter são dois potenciais que a cidade tem, que devem ser melhor aproveitados”. Sobre a possibilidade de os colorados que não conseguirem ir até o Beira-Rio na próxima quarta (18) para assistir à final da Copa do Brasil, Marchezan falou que a presença de telões na cidade depende da iniciativa privada.

“Grêmio e Inter devem otimizar esforços. Gestores dos clubes já fazem projetos sociais, mas tudo deve ser otimizado com um planejamento”, ressaltou, frisando que “são poucas as cidades do mundo que tem dois campeões mundiais”. “Não é por má vontade de ninguém, o dia a dia da prefeitura é corrido, o dia a dia do Grêmio e do Inter também”, concluiu.


(Foto: O Sul)

Por fim, Nelson Marchezan foi recebido por Evandro Leboutte na Rádio Liberdade. Na entrevista, afirmou que o “Parque Harmonia não é utilizado nos outros 11 meses por Porto Alegre”. Com a proximidade da nova Orla do Guaíba, a projeção é que, com recursos privados, essa situação mude. O prefeito ainda frisou a ligação com o campo e a importância de que o turismo na zona Sul de Porto Alegre, onde se encontram propriedades rurais, aumente.

 

Deixe seu comentário: