Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Tribunal rejeita a acusação de homicídio para todos os executivos pelo desastre de Mariana

Espanha volta a repudiar Catalunha livre

Em meio à pressão de oposicionistas, o primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, voltou a dizer que nunca aceitará um referendo para votar a independência da Catalunha. Legendas de direita convocaram manifestações para este domingo, depois que o governo do Partido Socialista concordou em instituir um comitê para discutir a possibilidade de autonomia para a região.

Deixe seu comentário: