Últimas Notícias > Notícias > Geral > Eduardo Leite participa do Tá na Mesa desta semana para explicar reforma administrativa

O governo entregou 82 veículos para ajudar pessoas com deficiência e idosos em 77 cidades gaúchas

Em todo o Brasil, o Ministério do Desenvolvimento Social vai entregar 529 veículos. (Foto: Dyessica Abadi/Palácio Piratini)

Prefeituras e entidades assistenciais de 77 municípios gaúchos receberam, nesta sexta-feira (14), 37 carros e 45 micro-ônibus adaptados para pessoas com deficiência e idosos da Rede de Proteção Social Básica e Especial do Sistema Único de Assistência Social (Suas). Os veículos Air Cross, da Citröen, e Volkswagen totalizam investimento de R$ 14,8 milhões. A entrega simbólica da chave aos representantes do Asilo Padre Cacique e aos prefeitos ocorreu no Palácio Piratini, com a presença do governador José Ivo Sartori e do ministro do Desenvolvimento Social (MDS), Alberto Beltrame.

Em todo o Brasil, o ministério vai entregar 529 veículos, 321 carros e 208 micro-ônibus, representando investimento de R$ 72,9 milhões. Os municípios contemplados atendem 2,9 milhões de famílias, o que corresponde a cerca de nove milhões de pessoas. O MDS disponibilizará a adesão à ata de registro de preços para as cidades que não foram incluídas nessa entrega e que possuam recursos financeiros disponíveis para obter os veículos. O prazo de adesão é um ano.

Em novembro, Beltrame assinou a portaria que cria o MOB-SUAS, ampliando a mobilidade, acessibilidade e transporte de usuários e equipes multidisciplinares da Rede de Proteção Social da Assistência Social. Segundo o ministro, o foco é unificar esforços em torno do bem-estar das pessoas. “Nosso trabalho é minimizar o sofrimento das pessoas e participar de forma unificada na Rede Proteção Social, promovendo qualidade de vida a quem depende da mão do Estado para ter um mínimo de dignidade”, afirmou.

O processo de aquisição dos veículos ocorreu de forma centralizada – com ata de registro de preços –, permitindo redução no tempo e otimização das compras, além da padronização dos veículos. Ao lado de Sartori, Beltrame também assinou ato para a compra de caminhões refrigerados para 90 entidades que atendem 600 agricultores familiares, num montante de R$ 3,5 milhões.

Para o governador, o Estado precisa existir para as pessoas e levar atendimento social aos que mais necessitam. “Os benefícios desta entrega de veículos vão ficar para quem necessita, para as próximas gerações e para o futuro do Rio Grande. Levam qualidade de vida, bem-estar e esperança aos gaúchos”, ressaltou.

Participaram do ato no Salão Negrinho do Pastoreio os secretários Maria Helena Sartori (Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos); Tarcísio Minetto (Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo); e Cezar Schirmer (Segurança Pública); e os deputados federais Osmar Terra, Márcio Biolchi, Giovani Feltes, Ronaldo Nogueira, Giovani Cherini, prefeitos e vice-prefeitos.