Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Ministro Tarcísio de Freitas afirma que novo fundo de infraestrutura começará com 35 bilhões de reais

Governo prevê privatização da Trensurb em 2021

Leilão da CBTU está prevista para o segundo semestre de 2021, com o leilão devendo ocorrer no primeiro semestre de 2022. (Foto: Marco Pecker/Trensurb)

Publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (24), o Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) da Presidência República, em resolução nº 60, de 8 de maio deste ano, opinou pela qualificação da Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. (Trensurb) a ser desestatizada nos próximos dois anos. Conforme o documento, a publicação do edital para o leilão da Trensurb para a iniciativa privada deverá ocorrer no primeiro semestre de 2021 e o leilão no segundo semestre do mesmo ano.

A resolução diz ainda que a decisão se baseou, entre outros motivos, na importância de ampliar as necessidades de investimentos e emprego no país e de estimular o crescimento da economia por meio de ações que ampliem e melhorem a infraestrutura e os serviços voltados para a população.

A Trensurb atende seis cidades da Região Metropolitana – Porto Alegre, Canoas, Esteio, Sapucaia do Sul, São Leopoldo e Novo Hamburgo – com 22 estações distribuídas em 43,8 quilômetros.