Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Light Rain with Thunder

Geral A Uergs sedia reunião da Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais

Compartilhe esta notícia:

Um dos pontos da pauta da Reunião Administrativa será a carta aos candidatos à presidência da República, redigida no final de agosto. (Foto: Divulgação)

A Uergs (Universidade Estadual do Rio Grande do Sul) sedia nesta segunda-feira (24), a Reunião Administrativa Mensal da Abruem (Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais). Além de reitores de universidades de todo o País vinculadas à Associação, está confirmada a presença do presidente da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) do MEC (Ministério da Educação), Abílio Baeta. A reunião terá início às 14h, e ocorrerá na Reitoria da Uergs, em Porto Alegre.

Um dos pontos da pauta da Reunião Administrativa será a carta aos candidatos à Presidência da República, redigida no final de agosto.

Participarão da reunião o presidente da Abruem e reitor da Universidade Estadual de Goiás, Haroldo Reimer; o secretário executivo, Carlos Roberto Ferreira; a reitora da Universidade Estadual de Santa Cruz, Adélia Maria Pinheiro; o chefe de gabinete da Universidade Estadual do Centro-Oeste, do Paraná, Marcio Fernandes; o reitor da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte, Pedro Fernandes Ribeiro Neto; e o reitor da Universidade do Estado do Pará, Rubens Cardoso da Silva. A reitora da Uergs, Arisa Araujo da Luz, integra o Conselho Deliberativo da Associação.

No dia seguinte (25), o grupo participará de um evento na Ufrgs (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) que discutirá a educação superior após a Cres 2018 (Conferência Regional de Educação Superior da América Latina e do Caribe), que ocorreu em junho na cidade de Córdoba, na Argentina.

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Geral

Já são seis os alunos investigados por humilhar um professor no Rio de Janeiro: as ofensas eram de cunho racista e homofóbico, disse a polícia
A CEEE trabalhava, neste domingo, para restabelecer o fornecimento de luz a 130 mil clientes
Deixe seu comentário
Pode te interessar