Quarta-feira, 06 de julho de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Rio Grande do Sul Aeroporto de Pelotas recebe aeronave do Programa Antártico Brasileiro

Compartilhe esta notícia:

O terminal é tido como um importante ponto de apoio para assistência das expedições para a Antártica.

Foto: CCR Aeroportos/Divulgação
O termina é tido como um importante ponto de apoio para assistência das expedições para a Antártica. (Foto: CCR Aeroportos/Divulgação)

Nesta terça-feira (10), o Aeroporto Internacional de Pelotas (PET), no Sul do Estado, administrado pela CCR Aeroportos, recebeu a aeronave C-130 da Força Aérea Brasileira (FAB) que opera no Proantar – Programa Antártico Brasileiro. O avião pousou no local no início da tarde

Por se tratar de um local logisticamente estratégico, o terminal aeroportuário de Pelotas serve como ponto de apoio e reabastecimento do programa, oferecendo suporte às expedições nacionais que se deslocam ao Continente Antártico por via aérea. Sua pista comporta a aterrissagem e decolagem de grandes aviões, tornando-se um braço operacional fundamental no setor de logística do Proantar.

Nestes voos, são enviados materiais para os grupos de pesquisa que estão na Antártica e, também, disponibilizadas vestimentas para os grupos que visitam a região, como, por exemplo, jornalistas, militares, e diversas autoridades, assim como os pesquisadores que se revezam nos diversos pontos de trabalho.

Em 2022, o Proantar completa 40 anos de atividades e, desde seu início, em 1982, o aeroporto gaúcho é a base brasileira. O programa realiza pesquisas científicas na região antártica, devido à importância dos fenômenos naturais que ocorrem no Continente Antártico e que influenciam todo o planeta.

No território nacional, estas ocorrências influenciam a agricultura, a pecuária e as atividades pesqueiras, por exemplo. Com a manutenção dessa unidade, o Brasil garante a condição de Membro Consultivo do Tratado da Antártica e, assim, participa dos processos decisórios relativos ao futuro do Continente Branco.

Às 7h desta quarta-feira (11), a aeronave parte para o Chile e de lá vai para Antártica.

“Por estar no extremo sul do Brasil, o Aeroporto de Pelotas está muito bem localizado para essa operação. Ficamos muito felizes em poder colaborar com esse programa tão importante e que contribui para o desenvolvimento de pesquisas científicas”, comenta Marcius Moreno, gerente executivo de aeroportos da CCR Aeroportos.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Indústria do Rio Grande do Sul registra 6º maior crescimento do Brasil em março, diz IBGE
Servidores do Banco Central criticam “uso eleitoral” do Pix pelo governo e decidem manter greve
Deixe seu comentário
Pode te interessar