Terça-feira, 18 de Maio de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Mostly Cloudy

Acontece Biscoitos Zezé está entre as marcas mais lembradas pelo consumidor gaúcho

Compartilhe esta notícia:

Fachada da fábrica da Biscoitos Zezé, em Pelotas. (Foto: Reprodução)

A Biscoitos Zezé é a segunda marca na preferência e lembrança dos gaúchos, de acordo com o “Marcas de Quem Decide JC 2021”. O evento, promovido pelo Jornal do Comércio, ocorreu na manhã desta quinta-feira (15), através do canal do YouTube e site do veículo de comunicação.

A iniciativa tem como objetivo reconhecer as empresas e instituições que se destacaram em seu segmento e na ação estadual. A Biscoitos Zezé agradeceu o carinho de todos os consumidores: “sem vocês, nada disso seria possível”.

O diretor da marca, Fabio Ruivo, falou sobre o reconhecimento dos gaúchos.”Para a nossa empresa é de extrema importância por nossas particularidades de sermos uma empresa familiar com 53 anos de mercado. Uma empresa construída a partir de um trabalho de uma família que nasceu em um armazém, evoluiu para uma padaria e da padaria se tornou uma indústria. Um negócio que começou muito pequeno, tímido e que ao custo de muito trabalho, perseverança, dedicação, atravessou crises, e hoje se consolida como uma indústria relevante para o cenário da Região Sul e todo estado”, destacou Ruivo.

A fábrica dos Biscoitos Zezé fica localizada na cidade de Pelotas, mas a marca possui atuação em todo o estado gaúcho e em Santa Catarina e Paraná. Além disso, a Biscoitos Zezé expandiu os produtos para algumas cidades localizadas em São Paulo, Espírito Santo, Mato Grosso e em Brasília.

“Nós viemos em uma crescente bastante importante, a gente vem ano a ano subindo o nosso percentual, a gente vem ganhando posição. Assumimos uma segunda posição que era bastante importante, tendo em vista, as marcas que são lembradas e que são de preferência dos gaúchos, isso é um motivo de muito orgulho de estarmos no meio de marcas tão importantes no cenário de alimento”, celebrou o diretor da marca.

Atividades na pandemia

Desde o início da pandemia da Covid-19 a marca nunca parou de produzir alimentos. A Biscoitos Zezé sempre seguiu todos os protocolos de higiene e segurança para não colocar em risco a vida dos seus colaboradores. Além disso, mesmo em meio uma crise mundial, o setor de alimentos preservou e gerou empregos, como também estimulou pequenos comerciantes.

“O ano de 2020 foi desafiador. Ele trouxe incerteza, dúvidas, receio, medo e, às vezes, algum otimismo. A gente atua no setor de alimentos, então nos sentimos extremamente favorecidos neste momento, nos solidarizamos com vários setores da economia. Felizmente, o nosso setor no meio de uma crise dessa natureza acaba sendo preservado, especialmente quando a gente trabalha com trigo, biscoito que é um produto de valor não tão alto”, explicou Ruivo.

Planejamento 2021

Ainda em tempos de pandemia, mas com expectativa de melhora no mercado e otimismo, a Biscoitos Zezé acredita que a indústria brasileira vai sair fortalecida, assim que restaurados os padrões econômicos.

“Nós somos otimistas por natureza, acreditamos muito no trabalho, na perseverança, então a gente tem a certeza que esse ano nós vamos conseguir superar todos os nosso problemas e que vamos continuar crescendo. Nós vinhamos experimentando um crescimento sempre na casa de dois dígitos muito favorável, a gente vinha bastante animado, especialmente se comparado a dinâmica do setor, a gente vinha crescendo sempre bem mais que a média do setor”, finalizou o diretor da Biscoitos Zezé.

Biscoitos Zezé: carinho que vem de família há mais de 50 anos. 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Acontece

Daniel Ramos retorna ao RS e reassume cargo na CMPC
Hotéis Sesc/RS estão entre os melhores para se trabalhar segundo pesquisa
Deixe seu comentário
Pode te interessar