Sexta-feira, 18 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
17°
Fog

Brasil Bolsonaro passa o feriado na praia do Guarujá, em São Paulo

Compartilhe esta notícia:

Bolsonaro foi recebido no litoral pelo prefeito de Santos, Valter Suman. (Foto: Valter Suman/Divulgação)

O presidente Jair Bolsonaro chegou em Guarujá, no litoral de São Paulo, na manhã desta sexta-feira (15), feriado da Proclamação da República. Ele deve permanecer no litoral paulista até domingo (17).

No começo da manhã, Bolsonaro saiu de Brasília (DF) e seguiu para o Aeroporto de Congonhas. Depois, pegou um helicóptero e pousou na Base Aérea de Santos, em Guarujá.

Ele foi recepcionado pelo prefeito de Guarujá, Valter Suman (PSB). Em seguida, seguiu de carro para o Forte dos Andradas, onde ficará hospedado. Em frente ao forte, o presidente foi recebido por vários moradores.

“Vou estar dentro de uma unidade militar até por questões de segurança. É pra sair um pouco da rotina de Brasília. Apesar de estar muito bem acomodado no Alvorada, mas variar, diversificar um pouquinho o ambiente é muito bom. Daqui a pouco deve ter um churrasquinho, coisa rara ter um churrasquinho com os amigos”, disse ele, sobre o feriado em Guarujá.

Antes de entrar no forte, o presidente comentou que conversou com ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, sobre a possibilidade de investimentos para a região do Vale do Ribeira, onde viveu por muitos anos.

“Existe uma possibilidade de reativarmos a rodovia (ferrovia) de Santos, que vai até Cajati. Existe a possibilidade, mas logicamente, vai ser iniciativa privada que vai fazer esse investimento. Tem que ver a viabilidade econômica. A economia da região (Vale do Ribeira) é a banana, mas também pode ser voltada ao Turismo”, falou.

O presidente foi passar o feriado no litoral paulista e planeja assistir ao jogo entre Santos e São Paulo, neste sábado (16), na Vila Belmiro, em Santos.

“Todo mundo sabe que eu torço para o Palmeiras, mas sou um amante do futebol e estou indo lá para assistir a um espetáculo, eu tenho certeza. E, mais ainda, a torcida do Santos vai me tratar com consideração como eu sempre tratei todas as torcidas do Brasil. No último jogo do Palmeiras aqui, perdemos de 3 a 0. A torcida do Santos sabe que eu respeito o time e a torcida”, disse.

Protestos

Apesar de parte da torcida santista se posicionar contrária à ida do presidente, de terem levantado a tag “#BolsonaroNaVilaNão” e do técnico santista Jorge Sampaoli, também afirmar que espera não ter contato direto com ele antes ou depois do clássico, Bolsonaro afirmou que não teme hostilidade. Já o presidente do time, José Carlos Peres, pediu respeito por parte da torcida. Conforme afirmado em live, Bolsonaro torcerá para o Santos.

Ainda nesta sexta (15), o chefe do Executivo postou um vídeo com uma entrevista concedida pelo técnico do Grêmio, Renato Portaluppi, confirmando que convidou Bolsonaro para um outro clássico, dessa vez, contra o Palmeiras no próximo domingo (24), em São Paulo. “Uma conversa descontraída com Renato Gaúcho falando de Brasil e futebol. Amanhã [16], na Vila, estarei no clássico SanSão, um abraço às torcidas de Santos e São Paulo”, escreveu o presidente no Twitter.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados confirma a criação da CPI do Óleo para investigar a origem das manchas que se espalham pelo litoral do Nordeste
A mudança climática prejudicará para o resto da vida a saúde dos bebês nascidos agora
Deixe seu comentário
Pode te interessar