Domingo, 23 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Mostly Cloudy

Brasil O calçadão de Copacabana, no Rio, ganhou uma estátua em homenagem a Ayrton Senna

Ayrton Senna foi campeão da Fórmula 1 nos anos de 1988, 1990 e 1991. Ele morreu em 1994 após um acidente no Grande Prêmio de San Marino

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
o monumento custou R$ 150 mil e demorou seis meses para ficar pronto. (Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

O piloto Ayrton Senna foi homenageado com uma estátua instalada em frente ao Hotel Belmond Copacabana Palace na sexta-feira (27), conforme antecipou o jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo. De frente para o palco do show do réveillon e sem autorização da prefeitura, o monumento em homenagem ao corredor de Fórmula 1 tem chamado a atenção de brasileiros e estrangeiros que passam pela orla.

“Só parei para tirar foto porque a estátua é dele. Ayrton fez história”, afirmou Samanta Moreto, turista de Monte Alto (SP) que passou a última semana no Rio.

Instalada sobre uma estrutura de pedra de 80 centímetros que simula um pódio, a estátua de bronze de 1,76 metro é assinada pelo artista Mário Pitanguy. De acordo com Pitanguy, a obra demandou 6 meses de trabalho, custou R$ 150 mil e ficou pronta no último dia 20:

“Sempre fui um grande fã de Ayrton e, quando recebi a encomenda, me senti extremamente motivado a fazer a melhor escultura possível”, disse ele.

Fruto de uma campanha do site Hotel Urbano, a peça foi colocada no local na madrugada de quinta para sexta e, desde então, virou parada obrigatória para turistas. Um deles é o argentino Carlos Weber, que definiu Ayrton como “gênio”, vai passar o ano em Búzios e chegou à cidade há 2 dias.

“O Rio me encantou, é lindo e a vista do Cristo é fantástica”, disse ele. “A única coisa que me incomodou um pouco foi a quantidade de lixo na areia e outros pontos da cidade.”

Quem trabalha na região aprovou a novidade:

“Trabalho aqui todos os dias e, ontem pela manhã, a estátua já estava aqui. O Ayrton foi um ícone e tem muita gente parando aqui para tirar fotos”, relatou o corretor de imóveis turísticos Danyel Pamplona.

Moradora de Copacabana, Irani Veríssimo gostou da novidade e ressaltou a tranquilidade do bairro nestes últimos dias de 2019:

“Eu amava o Ayrton, chorei muito na morte dele e me emociono até hoje só de lembrar”, disse ela. “Estou achando o bairro mais tranquilo neste réveillon do que no do ano passado, em relação a trânsito, assaltos e confusões.”

A Secretaria de Infraestrutura, Habitaçao e Conservação informou que a Gerência de Monumentos e Chafarizes “não foi contactada pela empresa Hotel Urbano para conceder autorização de instalação da escultura de Ayrton Senna no calçadão do posto 2, em Copacabana”.

“Vale esclarecer que, mesmo a escultura não tendo sido instalada na calçada – apenas colocada sobre o passeio -, e por período temporário, o responsável tem que solicitar autorização ao órgão; pois trata-se de logradouro público”, afirmaram representantes do órgão por meio de nota. No texto, eles informam ainda que a gerência “fará contato com a empresa responsável para conceder a autorização e oficializar a ação em homenagem ao nosso eterno e amado campeão da Fórmula 1”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Ministro do Supremo mantém presidente de tribunal da Bahia afastado
Bolsonaro compartilhou no Twitter um vídeo com declarações de políticos e jornalistas dando como certa a sua derrota na eleição presidencial de 2018
Deixe seu comentário
Pode te interessar