Sábado, 04 de dezembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Variedades Casa de Maradona é declarada patrimônio da Argentina

Compartilhe esta notícia:

A residência fica na Villa Fiorito, nos arredores da capital Buenos Aires. (Foto: Divulgação)

A casa onde Diego Maradona viveu durante a infância se tornou Patrimônio Histórico Nacional na Argentina. O decreto que instituiu a medida foi publicado nesta quarta-feira, assinado pelo presidente Alberto Fernández, pelo Chefe da Casa Civil, Juan Manzur, e pelo Ministro da Cultura, Tristán Bauer.

A residência na Villa Fiorito, nos arredores da capital Buenos Aires, representa o local onde a estrela do futebol deu os primeiros passos da carreira de sucesso. A casa está localizada na Rua Azamor, número 523.

Conforme o jornal La Nacion, a construção simples com portão de arame farpado e pátio de terra enfrentou décadas de abandono, mas agora deve ser preservada. Não há, porém, definição de como será utilizada.

O pedido de catalogação foi encaminhado ao presidente pela Comissão Nacional de Monumentos, Lugares e Patrimônio Histórico do Ministério da Cultura em novembro de 2020, poucos dias após a morte de Maradona.

O documento ressalta que foi na residência onde se estabeleceram os pais do jogador, Diego Maradona e Dalma Salvadora Franco, mais conhecidos como Don Diego e Dona Tota. Além disso, virando a esquina, havia sete pequenos campos – espaço que hoje é denominado Clube Social e Esportivo Estrellas Unidas – onde o atleta começou a atuar no futebol.

Don Diego chegou a formar uma equipe chamada Estrela Vermelha e incluiu o filho nos treinos. O texto destaca ainda que a residência significou para o jogador “a fidelidade às suas origens e os laços profundos que o uniam à sua família”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Variedades

Embraer testa rotas de “carro voador”
Câncer de fígado: conheça sintomas, fatores de risco e prevenção da doença
Deixe seu comentário
Pode te interessar