Quinta-feira, 03 de Dezembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Light Rain

Porto Alegre Concessão dos abrigos de ônibus tem três grupos interessados

Compartilhe esta notícia:

Três interessados apresentaram propostas comerciais para a concessão dos novos abrigos de ônibus de Porto Alegre. (Foto: Divulgação/PMPA)

Três interessados apresentaram propostas comerciais para a concessão dos novos abrigos de ônibus de Porto Alegre pelos próximos 20 anos. A Brasil Outdoor, braço brasileiro da multinacional Clear Channel, que já detém o contrato de concessão dos relógios digitais do Município, concorreu com dois consórcios: o Abrigo Inova Poa, formado pelas empresas Eletromídia e Versat Indústria e Construção, e o All Space, composto por All Space Propaganda e Marketing, Mais Canal Mídias e Shempo Empreendimentos e Sistemas de Comunicação.

A sessão pública foi marcada por um fato inesperado. O consórcio All Space apresentou três valores diferentes em sua proposta comercial, algo contrário ao previsto no edital. Já a Brasil Outdoor ofereceu ao município o número de 1.221 abrigos, valor que foi superado pela oferta do Abrigo Inova Poa, de 1.507. A oferta mínima estipulada no edital é de 1.144 abrigos.

A Comissão Especial de Licitação, responsável pelo julgamento das propostas, deverá se pronunciar oficialmente sobre o primeiro colocado do certame na semana que vem, por meio do Diário Oficial de Porto Alegre (DOPA).

O edital contempla dois modelos de abrigos, o Tipo A, que possui quatro assentos e três tomadas USB, e o Tipo B, com três assentos. Ambos terão piso podotátil e espaço para cadeirantes, iluminação artificial por LED, proteções superior e lateral contra ventos e chuvas, informações sobre itinerário, além de três faces publicitárias. O prazo máximo para a instalação de todos os abrigos ofertados será de cinco anos após ser firmado contrato.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

“País só voltará a ter superávit primário em 2027”, projeta ministério
Dólar cai nesta sexta, mas fecha mês com alta de 2,17%
Deixe seu comentário
Pode te interessar