Quinta-feira, 20 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Fair

Acontece Educação financeira é tema de curso na Capital. A iniciativa visa despertar um novo olhar à maneira como as pessoas se relacionam com o dinheiro

Guilherme e Cátia na condução do módulo iniciado na Capital. (Fotos: divulgação)

Como pensar financeiramente, visando maior independência no futuro, sem depender de aposentadoria, fundos de pensão ou outras opções que culminam em limitações financeiras? Este é o objetivo do Curso Independência Financeira que vem ganhando palco no Rio Grande do Sul, por iniciativa do casal Guilherme Blum e Cátia Ereno, especialistas no tema.

Neste final de semana, sábado (27) e domingo (28), um módulo foi ministrado na Capital para um grupo restrito de profissionais de diferentes áreas de atividades, focados no aprendizado de como diminuir despesas sem perder qualidade de vida, porém reunindo recursos, administrados com inteligência e estratégia a fim de garantir um amanhã com maior liberdade.

Segundo Cátia, que é economista por formação, a proposta é repassar ensinamentos adquiridos ao longo dos anos, “multiplicando conhecimentos, porque o mundo está precisando, uma vez que somente um por cento das pessoas que se aposentam tem liberdade financeira”. Guilherme Blum, que se diz “um apaixonado pela educação financeira”, conta que aos 17 anos já era um empreendedor, espelhado na experiência paterna. “Queremos ensinar as pessoas a usufruir melhor de férias, da vida, de seu tempo. Foi assim que nasceu nosso projeto e felizmente já mudamos a realidade de muitos. Os que mudam são realmente os que querem”, defende Cátia.

O nome da empresa comandada pelo casal já diz tudo: Financeira Mente. É justamente uma maior consciência sobre finanças, aplicações e investimentos que, passo a passo, durante a imersão que se estende por 32 horas divididas em dois módulos, Guilherme e Cátia ministram com metodologia, dados técnicos, informação e principalmente muita vivência no segmento. O resultado é o despertar de emoções nos participantes, que hora a hora se deparam com exemplos de como podem mudar seus hábitos de consumo e estilo de vida, sem perda qualitativa, sempre com um olhar no binômio receita x despesas. “O objetivo é abrir a mente das pessoas para que possam se relacionar melhor com o seu dinheiro”, reitera Guilherme.

Fatores emocionais

Na avaliação de Leo Berlese, treinador comportamental que participa deste módulo, “o curso é fantástico, todas as pessoas deveriam fazer, pois a inteligência financeira impacta muito em outras áreas, levando até mesmo a determinar, em muitos casos, o nível de satisfação das pessoas com suas vidas. Muitas vezes as pessoas não fazem o óbvio e além do óbvio, neste início de curso, vemos fatores emocionais que influenciam no comportamento relacionado ao dinheiro”.

Rosane Zanardo, engenheira civil, é outra participante e sustenta que “ este curso nos mostra que chegou a hora de deixarmos de procrastinar. Chegou a hora de darmos o primeiro passo. O mais importante é focar em nosso propósito, buscar nossa liberdade financeira, a segurança para o futuro. Para que isto aconteça se faz necessário dar o primeiro passo, começar a investir, não importa o valor e sim, criar novos hábitos”.

“Por que eu não ouvi isso há 10 anos atrás?” questiona outra integrante do grupo, a médica veterinária Kalyne Bertolin, que avalia a falta de educação financeira tanto por parte da escola quanto da sociedade. “A dica que eu posso dar é: não espere nem um minuto para começar a planejar sua independência financeira, para não se arrepender de não ter começado antes. O curso é sensacional, super interativo, se encaixa em qualquer realidade financeira, só basta querer”.

Retorno

Outros módulos serão ministrados nas próximas semanas em diferentes localidades do Estado. Em setembro, o casal retorna à Capital para finalizar o módulo iniciado neste final de semana. A dupla também foi responsável pela vinda a Porto Alegre em maio último de um expressivo evento no segmento, o Millionaire Mind Experience que reuniu mais de 500 participantes no Teatro da PUC. Sob a tutela de Leandro Marcondes, o encontro contou com a troca de experiências de Guilherme e Cátia, além de outros consultores de peso do cenário financeiro do País. (Clarice Ledur)

Mais informações e inscrições: (54) 99965-6246  – www.financeiramente.com.br – contato@financeiramente.com.br.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Acontece

Últimos dias de inscrições para a Corrida da Boa Causa pela Doação de Órgãos
Nova campanha da Chevrolet S10 reforça a importância do agronegócio para o Brasil
Deixe seu comentário
Pode te interessar