Sábado, 12 de Junho de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
14°
Fair

Inter Elenco do Inter começa preparação para o duelo contra o Olimpia

Compartilhe esta notícia:

No treinamento desta segunda, a comissão técnica separou os jogadores em dois grupos. (Foto: Ricardo Duarte/S.C. Internacional)

O elenco do Inter começou na manhã desta segunda-feira (17) a preparação para o confronto com o Olimpia-PAR pela Libertadores da América. Líder do grupo B da competição, o Colorado vai em busca de mais uma vitória para se aproximar da classificação para as oitavas de final.

No treinamento desta segunda, a comissão técnica separou os jogadores em dois grupos. Quem atuou no clássico Grenal realizou atividades físicas no gramado, enquanto o restante do elenco trabalhava com bola com o treinador Miguel Ángel Ramírez.

O grupo colorado volta a treinar na manhã desta terça-feira (18), dando sequência à preparação para a partida, que está marcada para quinta-feira (20), às 21h, no estádio Manuel Ferreira, no Paraguai.

No último domingo (16), no primeiro jogo da final do Campeonato Gaúcho deste ano, o Grêmio venceu o Inter por 2 a 1, de virada, no Beira-Rio. A segunda partida está marcada para o dia 23, às 16h, na Arena.

Em entrevista coletiva nesta segunda, o meia Edenílson falou sobre sua declaração após a derrota no Grenal 431. Após perder o clássico, o jogador falou na saída sobre o time acabar se expondo muito durante a partida e que podiam ter feito uma leitura diferente para segurar o rival. Sobre sua fala o jogador respondeu: “Foi uma iniciativa minha vir aqui, justamente para esclarecer a declaração pós-jogo. Acredito que, no calor e indignado com a derrota, acabei tentando fazer uma avaliação da virada. Mas longe de falar do esquema do treinador ou da forma de jogar”.

O jogador adicionou: “Quis dizer que a equipe não estava conseguindo jogar, acabou ficando exposta e oferecendo contra-ataques para o rival dentro da nossa casa. Que é uma coisa que a gente não quer. Foi a minha avaliação como time. Depois no vestiário conversamos e nos cobramos como tem que ser”.

“O que me incomoda é que fui fazer uma avaliação para não dar uma resposta robótica. E pelo contrário, ao invés de ajudar, as pessoas acabam distorcendo o que se fala”, afirmou.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Inter

De virada, Grêmio vence o Inter por 2 a 1 no Beira-Rio
Edenílson se retrata após declaração polêmica e comenta trabalho de Ramirez: “Não posso criticar”
Deixe seu comentário
Pode te interessar