Sexta-feira, 18 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Fair

Mundo Em meio à onda de protestos em Beirute, primeiro-ministro do Líbano deixa o cargo

Compartilhe esta notícia:

Hassan Diab renunciou após a grande explosão no porto de Beirute

Foto: Reprodução de TV
Hassan Diab renunciou após a grande explosão no porto de Beirute. (Foto: Reprodução de TV)

O primeiro-ministro do Líbano, Hassan Diab, renunciou nesta segunda-feira (10) em meio a grandes protestos em Beirute devido à explosão que atingiu o porto da capital do país na semana passada.

Pouco antes do anúncio, ele afirmou que a tragédia foi resultado de corrupção endêmica no governo. Em um discurso curto transmitido pela TV, o premiê afirmou que vai dar “um passo para trás para poder estar com o povo e lutar por mudanças junto com as pessoas”.

“Eu declaro hoje a renúncia deste governo. Que Deus proteja o Líbano!”, disse Diab. Ministros libaneses também deixaram seus cargos.

A renúncia de Diab foi anunciada enquanto manifestantes atiravam pedras em agentes de segurança que tentavam proteger a entrada do Parlamento. A polícia lançou bombas de gás lacrimogêneo contra a multidão.

A explosão de 3 mil toneladas de nitrato de amônio ocorreu na última terça-feira (04). A tragédia matou mais de 160 pessoas, feriu cerca de 6 mil e causou grande destruição.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Bloqueio da Anita Garibaldi é cancelado devido à previsão de chuva
estudante
Amazonas é o primeiro Estado brasileiro a reabrir escolas públicas e privadas
Deixe seu comentário
Pode te interessar